O que é Quinoa? Saiba os benefícios, receitas e como consumir

0

A quinoa é um alimento muito nutritivo, considerado o mais completo dentro do reino vegetal. É até mesmo comparado ao leite materno, por seu valor nutricional e diversas propriedades.

Como se já não fosse o suficiente, se tornou um alimento querido até da NASA, pois foi selecionado como um dos alimentos fundamentais dentro da dieta dos astronautas em vôos espaciais de longa duração.

Até aqui já temos um belo currículo desse grão, contudo, os benefícios vão além. Por conter quantidades significativas de ferro, proteína e não ter glúten, é um ingrediente essencial na vida de muitas pessoas que querem tornar as suas refeições mais ricas.

Por essas qualidades, é indicado para as pessoas que buscam perder peso, anêmicas, celíacas e também aos adeptos de dietas veganas ou vegetarianas.

Inclui, ainda, benefícios para pessoas que sofrem com diabetes, pois contém baixo índice glicêmico.

Índice — Nesse artigo você encontrará as seguintes informações:

  1. O que é quinoa?
  2. Propriedades
  3. Benefícios da quinoa
  4. Quinoa emagrece?
  5. Quinoa em grão
  6. Quinoa em flocos
  7. Farinha de quinoa
  8. Como consumir a quinoa
  9. Preços e onde encontrar
  10. Perguntas frequentes

O que é a quinoa?

A quinoa é uma planta que teve sua origem na região dos Andes, com registros de ser utilizada desde 3000 a.C., pelos Incas. Eles se referiam a quinoa como o “grão de ouro”, pois a consideravam um alimento sagrado.

Sagrado ou não, devemos admitir que ele é bem importante dentro de uma dieta equilibrada e saudável, além de ser um bom substituto. Isso porque pode ser utilizado para substituir a soja na produção de óleo, o milho para biodiesel e o trigo para farinhas.

Além disso, pode ser uma variação para o tradicional arroz e feijão dos brasileiros, pois pode substituir o arroz na alimentação.

É um alimento da mesma família Amaranthaceae, a mesma do espinafre. Se você assistia o desenho do Popeye, esse é familiar para você.

Outra qualidade do grão é o fato de não conter glúten, podendo ser utilizada para enriquecer a dieta de pessoas celíacas, ou seja, alérgicas ao glúten.

Contém, inclusive, quantidade significativa de antioxidantes de quercetina e Kaempferol. Esses nomes não tão familiares são também chamados de flavonoides.

Estes são micronutrientes bem importantes para a nossa saúde, responsáveis por benefícios associados à ação anti-inflamatória, antiviral e até mesmo relacionadas a prevenção do câncer e de depressão.

Alguns estudos mostram que a concentração desses flavonoides conseguem ser superiores aos encontrados em frutas vermelhas como a cranberry, famosa por suas ações antioxidantes.

Esse grão de ouro também apresenta bons resultados como cultivo de entressafras. Diferente de outras espécies nativas, a quinoa é mais resistente às pragas e doenças que outras plantações e plantas.

Quanto ao preparo, fique tranquilo, pois não é nenhum bicho de sete cabeças. Além de existir várias receitas que incluem esse grão, ele também rende. Só é necessário lavar muito bem a quinoa, pois ela contém saponina.

Você observará que, nesse processo, será produzida muita espuma. Por conter propriedades de detergentes, isso se torna algo característico dessa substância.

A saponina, inclusive, é uma substância que pode deixar esse alimento com um gosto mais amargo e ruim ao paladar. Lavar em água corrente, esfregando os grãos com as mãos, será o suficiente para deixar a quinoa bem limpinha e pronta para as receitas.

Na tabela abaixo, é possível comparar os nutrientes que a quinoa oferece em relação a outros cereais que também fazem parte de nossa alimentação, considerando para todos os itens uma quantidade de 100 gramas:

Quinoa Aveia Granola Arroz Trigo
Calorias 335 Kcal 389 Kcal 471 Kcal 130 kcal 339 Kcal
Proteínas 15 g 17 g 10 g 2,7 g 14 g
Ferro 9,5 mg 4,7 mg 3 mg 0,2 mg 3,5 mg
Cálcio 112 mg 54 mg 61 mg 10 mg 34 mg
Carboidratos 68 g 66 g 64 g 28 g 71 g
Fibras 5 g 11 g 5 g 0,4 g 3 g
Gorduras totais 5,7 g 7 g 20 g 0,3 g 2,5 g
Potássio 1040 mg 429 mg 436 mg 35 mg 431 mg

Entretanto, essas quantidades podem variar. A quinoa apresenta uma grande quantidade de sementes e há entre elas variações que interferem em sua tabela nutricional.

Para se ter uma ideia, a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação considera essa semenete um dos mais alimentos mais complexos.

O nome quinoa significa “grão materno”. O grão, que é muito comum em países como a Bolívia, Peru, Equador e Colômbia, é tão especial que na Bolívia ganhou o seu próprio ano: o Ano Internacional da Quinoa.

Isso aconteceu em 2013, pois a Organização para a Alimentação e Agricultura das Nações Unidas (FAO) disse que o papel da quinoa era importantíssimo para a alimentação mundial devido ao seu valor nutricional. Não é para qualquer grão.

Propriedades

A quinoa tem muitas propriedades e não é atoa que foi considerada o grão de ouro pelos andinos. Ter esse alimento dentro de uma dieta saudável e equilibrada implica em receber boas quantidades dos seguintes nutrientes e seus respectivos benefícios:

  • Aminoácidos: possui 20 tipos de aminoácidos, incluindo 10 essenciais para o nosso organismo como o Histidina Isoleucina, Leucina, Metionina, Lisina, Fenilalanina, Treonina, Triptofano, Valina e Arginina;
  • Proteínas: apresenta grandes quantidades de proteínas, o que é positivo para quem pratica exercícios físicos para ganho de massa muscular;
  • Fibra: por conter boas quantidades de fibra, é bom para quem sofre com problemas intestinais, como intestino preguiçoso. Além disso, ajuda na absorção do colesterol e da glicose;
  • Vitaminas: contém vitamina A, que é benéfica para a saúde dos olhos, e também as vitaminas B1, B2 e B3, que auxiliam no bom funcionamento do sistema nervoso central, a B6, associada a processos inflamatórios, e E e C, vitaminas antioxidantes, que protegem as células de danos naturais, como o próprio envelhecimento;
  • Fitoestrógenos: amenizam os sintomas da TPM e da menopausa, pois são substâncias que simulam as ações de alguns hormônios;
  • Valor energético: cada 100 gramas apresenta valor energético de 335 calorias. Para quem está em uma dieta para perda de peso, deve-se consumir em quantidades reduzidas;
  • Cálcio: ajuda no fortalecimento dos ossos e previne doenças relacionadas ao seu desgaste, como osteoporose e também previne a hipertensão.

Benefícios da quinoa

Algumas mudanças em nossos hábitos nos permitem estar no controle de algumas situações. Com a nossa saúde pode ser assim também.

Ninguém acha legal ficar doente e os hospitais são mais interessantes em alguns seriados americanos. A vida real é diferente.

Certamente, não é regra. Mesmo levando uma vida saudável, estamos sujeitos a alguma doença. É bem normal. Contudo, podemos tentar algumas coisas, como enriquecer nossa alimentação.

Pensando nisso, vamos conhecer a quinoa e seus benefícios. O grão de ouro, como era conhecido pelos incas, pode ser um aliado na prevenção de algumas doenças, como a hipertensão, osteoporose, colesterol alto, anemia e a imunidade. Entenda:

Fortalecimento muscular

A quinoa contém grandes quantidades de proteína e por isso, pode ajudar as pessoas que praticam exercícios físicos a fortalecerem os músculos. Além disso, é um alimento saudável e trará outras vantagens além dessa.

Contudo, em questões de calorias, para quem quer emagrecer, deve ser considerado como um substituto de outro alimento. Por exemplo, entre o arroz e a quinoa, prefira a quinoa como fonte de carboidrato, mas não os dois, pois a quinoa apresenta valor calórico maior.

Previne doenças cardiovasculares

A quinoa é um alimento muito importante para prevenir doenças cardiovasculares, pois contém significantes quantidades de Ômega 3 e 6, forte aliado contra possíveis doenças que prejudicam o coração.

Além disso, incluí-la na alimentação pode ajudar a reduzir o colesterol ruim, outro ponto positivo na prevenção de doenças cardiovasculares.

Ajuda no fortalecimento dos ossos

Você já deve ter ouvido, em algum momento da sua vida, o quanto cálcio faz bem para os ossos e como é importantíssimo ter em sua dieta alimentos ricos nesse mineral.

Se já, não ignore esse conselho valioso e coloque na lista desses alimentos a quinoa. Dessa forma, a longo prazo, você estará prevenindo seu corpo contra doenças como a osteoporose.

Auxilia em dietas para hipertrofia muscular

As dietas para hipertrofia muscular visam o aumento da massa muscular e a redução da gordura corporal. Simplificando bem, para que isso aconteça com o nosso corpo, é necessária uma combinação de alguns elementos essenciais como exercício físicos, alimentação específica e sono de qualidade.

A quinoa, obviamente, entra na parte de alimentação. Pessoas que querem aumentar a massa muscular precisam de quantidades significativas de proteínas e a quinoa é um complemento e tanto.

Além de ser uma alternativa a proteína animal, a quinoa apresenta quantidade superior de proteína presente na soja, no trigo, arroz e aveia.

Alivia os sintomas da TPM

A TPM, ou Tensão Pré-Menstrual, é a sigla que reúne vários sintomas de um período comum e normal na vida da maioria das mulheres.

Existem, com certeza, mulheres que não apresentam alterações no humor e no corpo quando estão entre os dias que antecedem a menstruação e até mesmo naqueles dias, mas para muitas esse período do mês pode ser um pesadelo.

O sintoma mais conhecido da TPM são as variações de humor, muitas vezes utilizado em contextos estereotipados. Contudo, os sinais vão além. As mulheres na TPM podem apresentar também dores de cabeça, dores nas pernas, ansiedade, cansaço, inchaço, sensibilidade e inchaço nas mamas, entre outros desconfortos.

A quinoa apresenta quantidades de fitoestrógenos que auxiliam na redução desses sintomas, portanto, deve ser consumida pelas mulheres que sofrem tanto nesses dias.

Também é indicado para mulheres que estão passando pela menopausa, quando os sintomas apresentados também não são nada bons, como ondas de calor, dificuldade para dormir, ganho de peso, queda de cabelo e alterações no humor.

Ajuda a combater a anemia

A anemia é uma condição muito comum na medicina e acontece devido a insuficiência de um ou mais nutrientes essenciais para o nosso corpo, o que leva a redução de glóbulos vermelhos (eritrócitos) no sangue.

Dessa forma, ele fica mais diluído e o conteúdo das hemoglobinas fica prejudicado, abaixo do normal. Os glóbulos vermelhos, também conhecidos por hemácias e eritrócitos, são os responsáveis por levar o oxigênio pela circulação sanguínea.

Quando algo está fora do normal, esse transporte fica prejudicado. A pessoa quando está anêmica apresenta sintomas como falta de apetite, palidez, apatia, câimbras, dores no peito, fadiga, indisposição entre outros sinais.

É muito comum o tipo de anemia ferropriva, causada devido a carência de ferro. Nessas situações, a quinoa é muito importante, pois contém quantidades valiosas de ferro, sendo superior ao feijão.

Portanto, diante de uma anemia ou para evitá-la, tenha como aliado a quinoa. Lembrando que o consumo do grão não substitui uma consulta com um médico para o melhor tratamento.

É bom para a imunidade

A imunidade é a defesa natural do nosso corpo contra possíveis doenças. Quando ela está baixa, ficamos mais suscetíveis a doenças. É muito comum gripes e resfriados quando o nosso organismo não está fortalecido.

Uma alimentação saudável contribui para que a nossa imunidade se mantenha forte e a quinoa é um dos alimentos com esse poder. Por esse e outros motivos, ela deve fazer parte do nosso cardápio.

Melhora a memória

A quinoa possui Ômega 3, uma gordura que faz bem para nossa saúde e para a nossa memória. Estudos mostram que pessoas que possuem dietas pobres dessa gordura se mostram mais esquecidas e com pouca concentração. Então, se você quer preservar a sua memória, não se esqueça de incluir esse grão na dieta.

Quinoa emagrece?

A quinoa é uma ótima opção para a dieta de quem busca perder peso por vários motivos, um deles é o seu poder de acelerar o metabolismo.

Com o metabolismo acelerado, já temos uma ótima base para seguir em frente com a dieta, pois dessa forma o organismo queimará mais facilmente a gordura armazenada em nosso corpo.

Esse aceleramento acontece devido as quantidades de proteínas que a quinoa apresenta. Sendo assim, eis um bom alimento para quem quer ganhar massa muscular sem perder peso e para quem quer apenas eliminar uns quilinhos que estão sobrando.

O que vai ser diferente é a quantidade. Se você pretende emagrecer com a quinoa, não exagere. Apesar de ter vários benefícios para a saúde, como o seu valor proteico, esse grão tem grande valor energético.

Dessa forma, somente o consumo da quinoa não será milagroso. Para perder peso será necessário dosar as quantidades e aliar a alimentação aos exercícios.

Outro ponto positivo da quinoa para quem quer emagrecer é o fato de proporcionar maior saciedade, devido às fibras que contém.

A quinoa também contém triptofano, o aminoácido responsável pela síntese da serotonina, o neurotransmissor relacionado a sensação de bem-estar e ao humor.

Entre as várias formas de consumir a quinoa, uma delas é adicionar uma colher de sopa, por dia, nas refeições. A farinha, nesses casos, seria uma das melhores opções, pois pode ser utilizada em sucos, saladas de frutas e até em refeições completas, como no prato do almoço ou jantar.

Quinoa em grão

Assim como a maioria dos grãos, a quinoa também rende. Se você já preparou arroz, lentilha ou qualquer outro grão, deve ter notado que esses alimentos incham e a quantidade quando cru parecia muito menor. A quinoa também é assim. Ao cozinhar uma xícara de quinoa, após cozido, a quantidade triplicará.

É importante entender esse aspecto, para preparar a quinoa ou qualquer outro alimento, para se evitar desperdícios. Sabendo desse ponto, vamos conhecer como prepará-lo.

Para cozinhar este grão é necessário colocá-lo em uma panela com água fervente e um pouco de sal. A quantidade de água deve ser o dobro da quantidade de quinoa. Se for preparar uma xícara de quinoa, será preciso de duas xícaras de água.

Cozinhe a quinoa por 15 minutos e retire do fogo. Na sequência, basta peneirar. Após cozido e devidamente peneirado, você pode deixar reservado na geladeira por até três dias.

Não ultrapasse esse limite, pois existe uma validade para alimentos cozidos. Após esse período, consumi-los pode provocar efeitos colaterais, como dores de barriga.

A quinoa pode ser utilizada para substituir o arroz assim como pode servir para incrementar cozidos, saladas, sopas, refogados ou até mesmo para substituir a farinha de quibe em receitas como tabule e o próprio quibe.

Quinoa em flocos

A quinoa em flocos é utilizada em muitas receitas e contém todos os mesmos benefícios que a quinoa em grão.

É muito usada para enriquecer outros alimentos como salada de frutas, vitaminas, iogurtes, no preparo de pães e bolos — substituindo a farinha de trigo — e para sucos desintoxicantes. Ou seja, é um ótimo complemento para as refeições do café da manhã.

Contudo, não é somente o desjejum que se beneficia da quinoa em flocos. Existem muitas receitas com esse ingrediente, como sopas, caldos e risotos.

Além disso, é excelente para pessoas intolerantes a glúten e adeptos do vegetarianismo e veganismo, pois é fonte de proteína.

Farinha de quinoa

A farinha de quinoa pode ser utilizada como uma opção à farinha de soja, sendo base para receitas de bolos, pães, biscoitos e massas. Algumas receitas de panqueca e macarrão são realizadas com esse tipo de quinoa.

Você pode encontrar a quinoa nos supermercados e em casas de produtos saudáveis já em farinha, mas também é possível fazê-la em casa, transformando o grão em farinha.

Além de ser um processo simples, comprar os grãos de quinoa e depois transformá-lo em farinha, geralmente, tem um custo menor, já que é comercializado com um preço maior.

Para isso, é necessário o uso de um processador para bater os grãos de quinoa até que virem um pó e está pronto. Só é preciso atenção para armazenar corretamente.

O ideal é deixar a farinha em um pote bem fechado, em um ambiente sem calor e umidade. Normalmente, as embalagens contém 250 gramas. Na hora de processar o grão para virar a farinha de quinoa, basta decidir qual a quantidade que julga necessário.

Essa farinha tem um gosto mais acentuado que as farinhas mais comuns, como de arroz, linhaça e aveia. Por isso, para algumas receitas, para que não se tenha um estranhamento do sabor, é possível introduzir a quinoa aos poucos.

Por exemplo, receitas de pães e bolos que pedem 2 xícaras de farinha de trigo, utilize apenas ½ xícara de farinha de quinoa para substituir na quantidade total, assim o sabor da quinoa não fará muita diferença no resultado final, apenas nos valores nutritivos.

Nas receitas do dia a dia, como o arroz e feijão, uma colher de sobremesa de farinha de quinoa é o suficiente e não vai alterar o sabor.

No café da manhã, a farinha de quinoa é uma boa opção para acompanhar as frutas, podendo substituir a farinha de aveia.

Como consumir a quinoa

A quinoa é um ingrediente muito versátil e pode ser abraçado por diversas receitas, para se consumir em qualquer uma das refeições do dia. Confira algumas ideias:

Em sucos

Adicionar uma colher de farinha de quinoa em sucos ou vitaminas trará a essas bebidas uma boa dose de ferro, zinco, proteínas, cálcio e as demais propriedades das frutas utilizadas.

Muitas vezes, quando em forma de suco, as frutas acabam perdendo muito das fibras. A quinoa, dessa forma, contribuirá para que esse nutriente seja reposto. É uma ótima opção para quem está de dieta.

Saladas

A quinoa pode ser utilizada para deixar as saladas ainda mais nutritivas. É possível utilizá-lo como grão ou farinha.

Uma opção para utilizar a quinoa em saladas é no preparo do tabule, uma salada libanesa. A receita é muito simples:

Ingredientes

  • 1 xícara (chá) de quinoa em grãos;
  • 1 dente de alho, grande e picado;
  • 1 tomate picado em cubos, sem pele e sementes;
  • 1 cebola média picada;
  • 3 colheres (sopa) de salsinha picada;
  • 2 colheres (sopa) de hortelã picada;
  • Suco de 1 limão;
  • 1 colher (chá) de sal;
  • 2 colheres (sopa) de azeite de oliva extra-virgem.

O primeiro passo é lavar muito bem a quinoa, em água corrente, para que a camada de saponina seja eliminada. Para se certificar que ficará totalmente limpo, é recomendado que se esfregue os grãos com a mão.

Para saber se a quinoa está livre dessa substância, um teste é provar ela ainda crua. Se estiver com um gosto amargo, típico da saponina, é porque é necessário lavar mais um pouco.

Após essa etapa, leve a quinoa ao fogo médio junto a 2 xícaras (chá) de água filtrada. Deixe por 25 minutos, com a panela parcialmente fechada. É necessário que a água seque. Depois de desligar a panela, reserve os grãos em uma tigela e espere esfriar.

Quando a quinoa estiver fria, misture a ela todos os demais ingredientes, mexa bem e leve à geladeira. Na hora de servir o tabule, deixe por uns minutinhos fora da geladeira, para que descanse em temperatura ambiente.

Com iogurte

Com iogurte ou com leite, a quinoa é um excelente complemento para reforçar o café da manhã. Os grãos inteiros podem ser ingeridos como cereal, junto com o leite ou iogurte.

Com as quantidades de fibras presentes nessa refeição, você terá uma melhora no fluxo intestinal, além de uma sensação de saciedade por um tempo maior.

Substituindo a farinha

Como já comentando, a quinoa é uma ótima opção para substituir a farinha de trigo de algumas receitas. É possível integrá-la em pães, bolos e biscoitos. Além disso, pode ser uma alternativa para empanar carnes, como filés.

Na maioria das receitas o que se tem é que se deve considerar a proporção de um para um. Se a receita original pede duas xícaras de farinha de trigo, o ideal é colocar uma xícara de farinha de trigo e uma xícara de quinoa. Contudo, esta não é uma regra obrigatória.

Confira uma receita de pão integral com farinha de quinoa:

Ingredientes

  • 1 xícara de farinha de quinoa;
  • 2 xícaras de água morna;
  • 2 colheres (chá) de fermento para pão;
  • 2 xícaras de farinha de trigo integral;
  • 1 e ½ xícaras de farinha de trigo branca;
  • 2 colheres (sopa) de farinha sem glúten;
  • 2 colheres (chá) de sal;
  • 2 colheres (sopa) de mel;
  • 1 colher (sopa) de azeite.

Em uma vasilha, misture o fermento e a água e deixe reservado por cinco minutos. Acrescente a farinha integral e a farinha de quinoa ao recipiente e mexa bem. Em sequência, coloque a ½ xícara de farinha branca, a farinha de glúten, sal, o mel e o azeite e misture até chegar a uma massa homogênea.

Utilize o restante da farinha branca aos poucos, até a massa se soltar das laterais do recipiente. Em uma superfície enfarinhada, sove a massa até que ela fique bem elástica. Sove bem e depois deixa a massa descansando, na mesma vasilha. Cubra e espere até que ela cresça. Provavelmente, a massa dobrará de tamanho.

Na mesma superfície em que sovou a massa, jogue mais um pouco de farinha para que possa dividir a massa em três partes.

Com cada parte, molde no formato de uma baguete e coloque sobre forma untada. Faça alguns cortes sobre a massa e coloque para assar em forno a 220ºC. Deixe a massa no forno até os pães ficarem dourados e está pronto.

Com frutas

Utilize a quinoa para acompanhar saladas de frutas. É uma boa opção para o lanche da tarde e também para pessoas que estão de dieta.

Também é indicado para ser consumido após exercícios físicos, pois as frutas são ótimas fontes de carboidrato e a quinoa de proteína.

No arroz

A quinoa pode substituir o arroz dentro das refeições, mas também pode ser consumido junto a ele.

Quando estiver cozinhando o arroz, coloque um pouco dos grãos de quinoa a panela. Assim você o deixará mais nutritivo.

Lembre-se apenas de lavar muito bem a quinoa antes de introduzir ao arroz, para que a saponina não deixa a refeição amarga.

Para quem está indeciso quanto ao sabor, fique tranquilo. A quinoa não irá interferir no gosto.

Preços e onde encontrar

É possível encontrar a quinoa (pó, grãos e em flocos) em supermercados, casas de produtos naturais e lojas físicas e online.

O preço pode variar dependendo da região em que se está consumindo, contudo, a média de preço de um pacote de quinoa com 200 gramas varia entre 10 a 15 reais.

Em algumas lojas virtuais o preço do quilo é mais em conta, considerando a quantidade, mas isso não inclui as tarifas de frete.

Existem, ainda, alguns produtos que levam a quinoa como ingrediente, como barrinhas de cereais e até mesmo dentro da composição de produtos para os cuidados dos fios, como shampoos, condicionadores e máscaras.

Perguntas frequentes

O grão de ouro desperta muitas curiosidades, por ser um alimento complexo. Confira as dúvidas mais frequentes:

A quinoa possui mais ferro que o feijão?

Sim, a quinoa apresenta quantidade de ferro superior ao feijão. Para você ter uma noção, cada 100 gramas de quinoa tem 10,9 mg de ferro e o feijão, considerando a mesma quantidade, apresenta 3,7 mg de ferro.

Uma alimentação rica em ferro proporciona muitos benefícios e eles começam pelo nosso sangue. É este mineral o responsável por formar as hemoglobinas, as moléculas do sangue que fazem o transporte do oxigênio pelo nosso organismo, também é quem que dá ao sangue a cor vermelha.

O ferro é importante, também, para se manter com uma boa imunidade, além de fazer bem para os cabelos, unhas, pele, para regular o sono, diminuir a sensação de cansaço, entre outros benefícios.

A quinoa é muito indicada, por esse e outros motivos, para pessoas vegetarianas e veganas. Outros alimentos que apresentam boas quantidades do mineral, além da quinoa e do feijão, são o grão de bico, soja, espinafre e semente de abóbora.

Qual a quantidade diária ideal?

Não existe uma quantidade exata do que seria o ideal, a necessidade pode variar de pessoa para pessoa.

O recomendado é que se ingira, no mínimo, 4 colheres de sopa por dia (aproximadamente 100 gramas). Melhor ainda quando associado a alimentos ricos em vitamina C, para que assim o nosso organismo aumente a sua absorção dos nutrientes presentes na quinoa.

Sem dúvidas esse grão é nutritivo e tê-lo na dieta é algo positivo, contudo, deve ser consumido com moderação e intercalado com outros tipos de grãos, dentro de uma dieta equilibrada.

Está em dúvida se está consumindo a quantidade certa? Não hesite em procurar orientação de um nutricionista. Dessa forma você chegará na porção adequada do quanto ingerir desse grão.

Quem pode consumir quinoa e quem não pode?

De modo geral, não existem contraindicações quanto ao consumo da quinoa, podendo ser ingerido por crianças, idosos, adultos, grávidas, lactantes, vegetarianos e celíacos. Qualquer tipo de pessoa pode consumir quinoa em sua forma natural.

É fortemente incentivado a ser consumido por populações mais carentes, para que obtenham neste alimento as propriedades essenciais para uma boa saúde, tentando, de certa forma, “tapar as lacunas” de uma alimentação pobre em variedades. Não é o ideal, mas seria de grande valia.

Embora não tenha grupos específicos que devem evitar esse grão de ouro, os nutricionistas e médicos recomendam que não se consuma em exagero. Assim como deve ser com todos os outros alimentos.

Além disso, quando falamos da quinoa que passa por alguns processos industrializados, como para se tornar em flocos ou farinha, alguns pontos devem ser observados.

Por exemplo, a quinoa em grãos não tem glúten, mas pode acontecer que ao passar pelos processos de produção o grão entre em contato com outros alimentos com glúten.

Dessa forma, as pessoas celíacas devem se atentar às informações contidas na embalagem antes de consumir.

Também deve-se considerar a possibilidade de pessoas alérgicas ao grão, ainda que raro. A quinoa possui uma substância denominada saponina. Quando os grãos não são lavados adequadamente, essa substância permanece no alimento e pode ser tóxico para o corpo.

Dentro desse aspecto, não é necessário grandes preocupações. Obviamente, diante de uma suspeita de alergia, é necessário consultar-se com um médico antes de começar a ingerir o grão ou continuar consumindo.

No entanto, acredita-se que quando o alimento é preparado e lavado adequadamente não apresenta riscos e essa substância não se faz presente, pois se dissolve na água.

Ainda sobre as discussões acerca de se existe o risco para determinadas pessoas, algumas pesquisas descobriram recentemente, na quinoa, quantidades de oxalatos, uma substância presente em muitos alimentos, que está associado a formação de pedras nos rins.

Nesses casos, pessoas que sofrem dessa condição deveriam evitar consumir a quinoa em excesso.


Em grão, flocos ou em farinha, a quinoa apresenta muitos benefícios. Além de ser um alimento rico em nutrientes como proteína e ferro, pode ser utilizada em vários pratos, dando para variar em diversas receitas e não deixar de fora da alimentação todas as vantagens da quinoa.

Compartilhe esse texto com seus amigos e familiares e mostre para eles como é possível amenizar a TPM, perder peso, ganhar massa muscular e cuidar bem da saúde do coração, tudo isso em um único grão de ouro.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe suas opiniões e comentários, nos preocupamos com ela:

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.