Menstruação atrasada: o que pode ser? Conheça as causas

0

São diversos os fatores que podem atrasar a menstruação, assim como isso pode ocorrer sem nenhum motivo específico. Aliás, vale lembrar que o atraso menstrual, quando não causado por uma gravidez, está intimamente ligado a um atraso da ovulação!

Alguns fatores que podem atrasar a ovulação e, consequentemente, a menstruação, são:

Interrupção após uso prolongado da pílula anticoncepcional

O uso prolongado da pílula anticoncepcional pode interferir diretamente no “relógio” do ciclo menstrual. Quando o uso desse medicamento é interrompido após anos, o organismo da mulher precisa se readaptar ao seu processo de produção hormonal e isso pode levar até 6 meses.

Fase de amamentação

Na amamentação, a menstruação também podem sofrer atrasos.

Durante essa fase, o organismo libera hormônios que podem bloquear o processo de ovulação e também, posteriormente, o ciclo menstrual.

A prolactina, hormônio que produz o leite materno, suprime a ovulação, e há casos de mulheres que chegam a não menstruar pelo período de até um ano.

Lembrando que quando não acontece a menstruação, não significa que a mulher não possa mais engravidar. Depois do bebê ter desmamado, o ciclo volta ao normal.

Anovulação crônica

A anovulação crônica é uma condição na qual a mulher não tem a ovulação durante muito tempo. Nessa condição, os óvulos simplesmente não amadurecem e não são liberados nas tubas uterinas.

PUBLICIDADE

Uma das suas principais causas é a síndrome do ovário policístico (SOP), mas também pode ser causada por alterações genéticas, hipertireoidismoestresseobesidade, aumenta da insulina e falha na hipófise ou hipotálamo.

Desregulação do ciclo menstrual

Algumas vezes, um ciclo desregulado pode ser confundido com atraso menstrual. Isso porque a mulher pode prever a data com base nos últimos meses, mas toda mulher corre o risco de ter seu ciclo desregulado por nenhum motivo aparente — até mesmo aquelas que sempre tiveram o ciclo bem regular.

Mudanças drásticas no peso

As células de gordura contribuem na produção do hormônio feminino (estrogênio). Por isso, quando há alguma alteração no peso, os níveis de estrogênio podem interferir no processo ovulatório.

Sendo assim, sempre que houver ganho ou perda de peso de forma repentina e intensa, uma alteração hormonal pode ocorrer. É preciso que os hormônios se adaptem a essa mudança para que o ciclo volte ao normal.

Leia mais: Como emagrecer com saúde: dieta, exercícios, remédios, cardápio

Estresse

O estresse crônico libera cortisol, uma substância que exerce influência nos hormônios sexuais femininos, causando alterações no ciclo menstrual.

Exercícios físicos em excesso

A fertilidade pode ser afetada por conta de exercícios físicos praticados em excesso. Essa prática resulta em um desequilíbrio neuroendócrino, provocando uma falha na hipófise (glândula responsável por regular as funções hormonais) e não liberando hormônios que instigam a produção da progesterona e do estrógeno.

Por conta desses fatores, como resultado, acontecem as disfunções hormonais que atrasam a ovulação.

Menopausa

menopausa é uma fase em que o corpo da mulher encerra a produção dos hormônios progesterona e estrógeno, dando fim aos seus anos férteis. Nessa fase, gradativamente, o organismo diminui a quantidade e duração da menstruação.

A menopausa normalmente acontece entre os 45 e 55 anos. Após essa idade, a menopausa é classificada como tardia.

Leia mais: Quais os sinais e sintomas da menopausa? Saiba como reconhecer

Problemas na tireoide

A glândula tireoide é responsável por produzir hormônios para ajudar no controle do metabolismo e na fertilidade feminina. Problemas neste órgão causam cansaço físico, dores musculares, depressãofadiga, irritabilidade, febre, frio e sensações de inchaço na região do pescoço.

Pílula do dia seguinte

pílula do dia seguinte é um contraceptivo utilizado apenas em última instância, em situação de emergência, como quando a camisinha estoura ou em casos de estupro, entre outros.

O atraso ocorre porque essa pílula retarda a liberação do óvulo nas tubas uterinas, fazendo com que o período fértil demore mais para acontecer e, por isso, a menstruação pode ocorrer mais tarde.

Erro de cálculo

O ciclo menstrual não é o mesmo para todas as mulheres. Ele varia dependendo de cada organismo. Em suma, a duração média é de 28 dias, mas isso não deve ser visto como regra para o ciclo de todas as mulheres, pois cada uma tem um sistema e ciclo diferente.

Por não haver um tempo específico para o ciclo menstrual, o cálculo de previsão para a próxima menstruação pode ser feito errado, assim, a mulher pode ter uma falsa impressão que sua menstruação sofreu um atraso.

Leia mais: Calendário Menstrual (tabelinha): como calcular período fértil, apps

Amenorreia

amenorreia é uma condição na qual o ciclo menstrual simplesmente não existe. Ela pode ser primária, quando a primeira menstruação da menina tarda a chegar, ou secundária, quando a mulher já menstrual e de repente passa 3 meses sem menstruar.

Trata-se de um sintoma de outros transtornos e deve-se sempre investigar a causa.

Medicamentos

Alguns medicamentos podem desregular o ciclo menstrual, como é o caso dos corticoidesantidepressivos e medicamentos quimioterápicos. A quimioterapia é, inclusive, uma das principais causas da menopausa precoce, ou seja, quando a menopausa se inicia antes dos 45 anos.

Hímen imperfurado

Especialmente para as meninas que nunca menstruaram, uma das causas do atraso na primeira menstruação é o hímen imperfurado. Nesse caso, o canal vaginal se encontra fechado e o sangue simplesmente não consegue sair, causando a ausência da menstruação.

Alguns sintomas relacionados a essa condição são cólicas e dificuldades na eliminação da urina e fezes.

O tratamento para um hímen imperfurado é cirúrgico. Durante o procedimento, há a retirada total do hímen, um processo simples e com baixos riscos de complicações.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie o conteúdo!)
Loading...

Deixe o seu comentário, nos preocupamos com sua opinião:

Por gentileza, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.