Emagrecer com saúde requer atitudes como a prática de exercícios físicos e alimentação correta. 

Opções de dietas não faltam. Muitas delas se dizem milagrosas, mas podem trazer malefícios como fraqueza, deficiência de vitaminas, mal-estar e o efeito “sanfona”, ou seja, quando a pessoa emagrece e engorda repentinamente. 

Se a principal motivação para a dieta for a perda de peso, o ideal é consumir alimentos que trazem saciedade, ajudam a acelerar o metabolismo e provocam a quebra das moléculas de gordura ou açúcar. 

Um(a) nutricionista poderá ajudar a estabelecer uma dieta saudável e que não ofereça riscos para sua saúde.  

Quais alimentos que aceleram o metabolismo e ajudam a emagrecer?

De forma geral, os alimentos que ajudam a acelerar o metabolismo e a emagrecer são aqueles considerados termogênicos (como gengibre, canela e pimenta). Eles promovem um aumento do metabolismo ou fazem o corpo gastar mais calorias do que eles próprios contêm.

Ainda que isso seja bem sutil, pode auxiliar no emagrecimento. Ou seja, sozinhos eles não conseguem provocar a redução de peso, mas são bons aliados.

As frutas, verduras, legumes, leguminosas e alguns tipos de cereais são importantes também, pois contêm poucas calorias e muitos nutrientes. Chás e sucos também podem contribuir. Além da alimentação, o consumo diário de água e a prática de exercícios também influenciam na perda de peso.  

Além dos termogênicos, existem alguns grupos que também podem contribuir para o emagrecimento:  


Frutas 

As frutas são sinônimos de saúde e boa aparência. Entre elas, as que podem ajudar a emagrecer são: 

  • Morango: contém vitamina C e pouco açúcar;  
  • Melancia e melão: contêm muitas fibras e possuem efeito diurético, além de dar sensação de saciedade;
  • Maçã (preferencialmente com a casca): não possui gorduras e contém fibras; 
  • Toranja: é rica em enzimas que ajudam na quebra das moléculas de gordura e de gasto de calorias.    

Legumes 

Os legumes são alimentos fáceis de incluir na dieta, já que podem ser preparados com carnes e carboidratos. 

Eles também podem participar no combate ao ganho de peso: 

  • Brócolis: é um dos alimentos indicados  para quem busca perder peso. Isso porque contém vitaminas (como A e C) que ajudam a queimar gorduras e promovem sensação de saciedade. Além disso, a quantidade de calorias é pequena;    
  • Berinjela: dá sensação de saciedade e contribui para o bom funcionamento do corpo. Por ser rica em água, também possui efeito diurético e elimina o inchaço provocado pela retenção de líquidos; 
  • Chuchu: como a berinjela, possui uma grande quantidade de água (tendo efeito diurético) e poucas calorias.  

Verduras

As verduras e folhas verdes são indicadas para perder peso porque possuem baixas calorias e contêm fibras que ajudam na digestão.  

Na lista estão: alface, rúcula, couve, espinafre e agrião.  

Leguminosas

Na lista das leguminosas que dificultam o ganho de peso estão: feijão, lentilha, grão-de-bico e ervilha. 

Esses alimentos são ricos em fibras e por isso combatem a prisão de ventre. Quando digeridos, formam bolos alimentarem com mais facilidade e, assim, contribuírem para a formação de fezes. 

Raízes

Algumas raízes também podem fazer parte da alimentação visando a perda de peso. São elas: 

  • Batata-doce: a batata-doce contém amido que gera saciedade e estimula a quebra das gorduras ruins. Mas evite essa raiz se ela for preparada com óleo (em rodelas fritas, por exemplo); 
  • Gengibre: essa raiz ajuda a acelerar o metabolismo e favorece a queima de gordura.  

Cereais e sementes 

Nem todos os cereais e sementes são vilões na luta contra os números da balança. Alguns podem ser aliados nessa batalha: 

  • Aveia: ajuda a regular o intestino, o colesterol alto e a glicemia (o que contribui para que a fome demore mais tempo para manifestar-se); 
  • Arroz integral: por ser integral, esse tipo de arroz contém fibras e outras vitaminas (potássio, fósforo e zinco). Além disso, é uma fonte de energia que gera a sensação de saciedade (carboidrato complexo); 
  • Linhaça: essa semente pode ser uma boa aliada na alimentação saudável, pois é rica em fibras e gera saciedade. Dê preferência para sua versão em pó que, por ser moída, facilita a digestão; 
  • Chia: é rica em fibras e ácidos graxos (como o ômega 3) que ajudam a regular o intestino e diminuir o inchaço causado pela retenção de líquidos.  

Chás e sucos 

Os líquidos são sempre boas opções para se incluir na dieta. Seja no calor ou no frio, eles também podem ajudar no emagrecimento: 

  • Chá verde: possui uma substância (galato de epigalocatequina) que estimula a quebra das moléculas de gordura, principalmente na região abdominal; 
  • Chá de hibisco: possui baixas calorias e tem efeito diurético; 
  • Suco de melancia e gengibre: 3 fatias de melancia batida no liquidificador com gengibre a gosto podem ajudar a combater a prisão de ventre e ainda dão saciedade; 
  • Suco de couve com maçã e limão: dá saciedade e possui antioxidantes que auxiliam na redução da gordura. Para fazê-lo, bata 1 folha de couve, o suco de 1 limão e 1 maçã (com casca). Tome sem açúcares ou adoçantes.  

Alimentos podem ajudar a emagrecer dormindo?

Alguns alimentos podem facilitar ou contribuir com a queima de gorduras mesmo durante o estado de repouso (ou seja, quando estamos dormindo). 

Os principais alimentos que emagrecem durante o sono são: 

  • Canela: ajuda a controlar a glicemia e a queimar gorduras; 
  • Ovos cozido ou assado: melhora a qualidade do sono e contêm gorduras boas que dão energia. Além disso, o corpo gasta mais calorias para fazer a digestão do que ele pode fornecer;
  • Chá de hortelã: promove a eliminação das toxinas gordurosas, além de ajudar na digestão de alimentos pesados como massas e carnes. Ele ainda é calmante e relaxante. 

Outro fator que pode contribuir para o emagrecimento durante o sono é a quantidade de horas dormidas. 

O nosso corpo precisa de energias que são proporcionadas pela alimentação e pelo repouso. 

Quando uma dessas fontes de energia está em falta, o corpo tende a recorrer a mecanismos para obtê-la. 

Por isso, não dormir na quantidade correta (8 horas seguidas) tende a favorecer a fome, já que a energia não foi reposta pelo descanso.  

Quais alimentos ajudam a queimar a gordura e perder barriga? 

Para queimar gorduras e perder a barriga, é necessário ter uma alimentação saudável e balanceada. Algumas categorias devem ter prioridade se o objetivo for emagrecer. 

Os alimentos naturais e “da terra” como frutas, verduras e legumes são altamente indicados para emagrecer de forma saudável. 

Eles podem fazer parte da dieta como forma de lanche entre as refeições ou mesmo complementando-as (por exemplo, em vez de comer um doce depois do almoço, uma fruta pode ser ingerida como sobremesa).    

Iogurtes desnatados e derivados de leite (como o queijo branco, queijo cottage) são outros aliados para perder a barriga sem perder a saúde. Eles devem ser consumidos em refeições como desjejum e jantar.  


Frutas, verduras, legumes, leguminosas, raízes, cereais, sementes, chás e sucos podem ajudar a emagrecer, acelerar o metabolismo, fazer uma boa digestão e perder a barriga. 

O Minuto Saudável traz outras informações sobre alimentação e mundo fitness. Confira nossas postagens!!! 


Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *