Para que serve a vitamina B12? Saiba como ela ajuda sua saúde

0

A vitamina B12, também conhecida como cobalamina ou cianocobalamina, é um micronutriente essencial ao organismo, que não pode ser produzido naturalmente, por isso precisa vir de fontes alimentares.

Em geral, não é difícil encontrar produtos fonte de B12, pois a vitamina está presente em carnes, leite e ovos, além de produtos que são industrialmente enriquecidos com ela (como os leites vegetais ou mesmo os de vaca).

A B12 é fundamental para o bom funcionamento das células, sobretudo as do sistema nervoso, da medula óssea e do intestino. Entre as ações da vitamina no corpo estão:

Participa da formação de células sanguíneas

Há uma participação direta da B12 na formação, maturação e reparação das células, entre elas, dos glóbulos vermelhos.

As hemácias, que são as células vermelhas do sangue, são bastante afetadas pela ação da B12, pois a vitamina auxilia na correta divisão dos glóbulos, evitando que fiquem grandes e frágeis demais.

Como as hemácias são responsáveis pelo transporte de oxigênio, se houver alterações em sua estrutura, pode ocorrer comprometimento da oxigenação dos tecidos de todo o corpo.

Ajuda no reparo do DNA

A B12 participa indiretamente da estruturação de DNA, pois atua como uma coenzima nesse processo. A deficiência de B12 gera alterações em vários processos da síntese de DNA, dificultando a divisão celular na medula.

Nas gestante, a B12 é ainda mais necessária, pois é através da alimentação materna que o bebê irá receber os nutrientes necessários para a sua formação. A vitamina é necessária para a correta produção do ácido nucléico, que é o DNA, reduzindo os riscos de problemas futuros.

Atua na absorção e ativação de vitaminas

A cobalamina participa da ação de outros componentes, como a conversão do ácido fólico (vitamina B9) em uma forma bioativa (ou seja, capaz de agir no organismo). Portanto, sem B12, o organismo começa a apresentar deficiência de ácido fólico.

Melhora o condicionamento e dá mais energia

Para que você consiga desempenhar suas atividades é preciso que o organismo tenha energia. E nem precisam ser atividades esportivas ou acordar cedo para correr uma maratona. Atividades simples, como trabalhar, subir uma escada e ver TV demandam energia.

Se a B12 estiver sendo ingerida adequadamente, as suas células e tecidos musculares irão receber a quantidade necessária de oxigênio (pois ela auxilia na formação dos glóbulos vermelhos que carregam o oxigênio até as células), evitando o cansaço exagerado.

Além disso, a B12 participa da transformação de carboidratos em glicose (ou seja, em energia). Sem a vitamina, os músculos não têm energia para queimar, fazendo com que qualquer pequena tarefa seja exaustiva e a fadiga seja constante.

Portanto, a B12 ajuda você a realizar as atividades diárias e facilita quem está planejando iniciar esportes mais intensos.

Atua na metabolização de nutrientes

A vitamina B12 atua na metabolização de nutrientes como os carboidratos, proteínas e gorduras. Alguns estudos sugerem que a o ganho de peso esteja relacionado à falta dela, pois a vitamina poderia estimular o metabolismo e a obtenção (ou gasto) de energia.

No entanto, o que se realmente sabe é que os níveis adequados de B12 auxiliam na correta metabolização dos nutrientes, mas o consumo elevado (através da suplementação, por exemplo) não garante resultados na redução do peso.

Pessoas que querem reduzir o peso podem ser auxiliadas de forma indireta: como a B12 ajuda a dar mais energia e evitar o cansaço, você consegue fazer mais atividades físicas e, por isso, gastar mais calorias.

Auxilia no sistema circulatório

Como a vitamina B12 auxilia na regulação e redução dos níveis de colesterol, todo o sistema circulatório é beneficiado, ocasionando redução nos riscos de hipertensão e problemas cardíacos.

Aumenta o colesterol bom (HDL)

As pessoas tendem a dar mais atenção à alimentação e exercícios para prevenir o aumento de LDL (que é o colesterol ruim). Mas o HDL, que é o colesterol bom, também merece atenção.

Um estudo publicado no periódico médico periódico Metabolism, Clinical and Experimental, aponta que as vitaminas do complexo B podem favorecer a produção de HDL no fígado e no intestino delgado.

Isso favorece a sintetização de vitaminas e hormônios, reduz os riscos da formação de placas de gordura nas artérias e, consequentemente, diminui as chances de infarto ou derrame.

Promove um sistema nervoso mais saudável

Observa-se que pacientes com mal de Alzheimer têm maior prevalência de hipovitaminose B12, sugerindo que o nutriente possa participar do funcionamento do sistema nervoso.

Ainda que os estudos sobre a relação entre mal de Alzheimer e B12 estejam em andamento, já se sabe que a vitamina protege os neurônios e pode reduzir a degeneração neuronal.

Redução da homocisteína

A homocisteína é um aminoácido produzido após a digestão de alguns alimentos, como a carne vermelha e os laticínios.

Depois da digestão, o aminoácido é enviado para o sangue e, em grandes quantidades, pode elevar os riscos de entupimento das artérias e acumulação de placas de gordura nos vasos sanguíneos (causando a aterosclerose).

A B12 auxilia na metabolização correta da homocisteína, evitando que ela se concentre no sangue e, portanto, minimizando os riscos à saúde.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe o seu comentário, nos preocupamos com sua opinião:

Por gentileza, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.