Na 37º semana de gestação, o enxoval deve estar completo e as mochilas da maternidade podem começar a serem feitas, já que a mulher pode entrar em trabalho de parto a qualquer momento. 

Por isso, a mãe deve aproveitar estes últimos dias para cuidar de si e dos preparativos para a chegada do bebê. 

Os passatempos e hobbies podem ajudar a amenizar a ansiedade e o nervosismo comuns nesta fase final. 

Assistir filmes e séries, ler livros, ouvir música, dançar e cantar para o neném são sugestões de atividades que a maioria das grávidas podem fazer. 

A mulher deve aproveitar esses últimos dias para relaxar e descansar antes do bebê nascer. 

Leia mais: Terceiro trimestre de gravidez: conheça os sintomas e exames

37 semanas de gestação são quantos meses?

Ao completar 37 semanas de gestação, a mulher estará no início do mês

O neném já está pronto para nascer, mas até a 42º semana deverá ganhar mais peso para conseguir sobreviver saudavelmente fora da barriga. 

Os pulmões, em geral, estão quase prontos para a respiração e para o choro. O organismo do neném consegue perceber sozinho se o sistema respiratório já está maduro o suficiente para sobreviver fora da barriga. 

Todos os órgãos e sistemas estão completamente formatos. Mas, na grande maioria dos casos, precisam crescer mais um pouco para garantir um bom funcionamento.   

Nessa fase, o bebê está do tamanho de um pé de acelga, com 50cm e quase 3kG, em média. 

Quais os sintomas na 37º semana de gestação?

Com a aproximação do parto, a mulher deve cuidar ainda mais da saúde. 

Manter uma alimentação saudável, consumir água adequadamente, dormir bem e evitar o contato com friagem podem ajudar a ter um parto mais saudável. 

Ainda com todos os cuidados, as mamães podem ter alguns sintomas próprios do último mês de gestação: 

Micção frequente 

Como o nascimento está se aproximando, o bebê deve estar se virando para encaixar para o parto. 

Esses movimentos podem causar uma pequena pressão na bexiga da mãe, que pode sentir vontade de fazer xixi várias vezes ao dia.  

Dor nas costas 

Como o bebê está descendo para se encaixar, a barriga pode ficar mais baixa do que no restante da gravidez. 

Isso provoca uma mudança no ponto de equilíbrio do corpo, o que pode acabar causando dor nas costas

As gestantes, principalmente o final da gravidez, devem cuidar da postura para evitar os desconfortos e pressão na coluna. 

Azia 

O crescimento do neném pode pressionar o estômago, fazendo com que os ácidos se espalhem para outros órgãos como o esôfago. 

Isso gera aquela sensação de queimação, que é bem comum no final da gravidez. 

Mamas inchadas 

O corpo já começa a se preparar para a amamentação. Isso pode causar uma sensação de inchaço nas mamas. Por isso, desconfortos e sensibilidade nos seios são comuns na 37ª semana. 

Também é comum notar que a auréola das mamas pode estar maior ou mais escura. 

Nas gestantes que produzem muito leite, também pode acontecer de ter vazamentos, mesmo que o neném não tenha nascido ainda.  

Cansaço 

É normal que a mulher se sinta mais cansada durante a fase final da gestação. 

A qualidade do sono também pode ficar comprometida na 37ª semana de gravidez, já que a ansiedade e alguns movimentos do neném podem tirar o sono durante a noite. 

Por isso, as mamães devem descansar sempre que possível.

Leia mais: Conheça os benefícios do pilates na gravidez

Cólica e contrações

Algumas mulheres podem sentir cólicas e contrações no útero. Se forem passageiras e sem sangramentos, são sinais normais que o corpo está se preparando para o parto. 

Esses desconfortos são causados pelos movimentos do bebê ou do útero. Além disso, é possível haver dilatações do canal vaginal, o que provoca mais desconforto. 

As cólicas e as contrações tendem a serem mais fortes ou frequentes conforme o parto se aproxima.  

Em caso de dúvidas, procure um médico independentemente se apresenta sintomas ou não!

É normal o bebê nascer com 37 semanas? É prematuro?

Para um neném ser considerado prematuro, o nascimento precisa acontecer antes de 37 semanas de gestação. Até esse período, embora já esteja formado, ele ainda está crescendo, desenvolvendo-se e ganhando peso dentro da barriga da mãe. 

Se o parto for normal e não induzido, é normal que o bebê nasça no início do 9º mês. 

Já as cesáreas programadas não são recomendadas durante a 37º semana de gravidez. Isso porque o tempo de gestação é apenas uma especulação da maturidade do bebê. 

Mas como cada neném tem seu tempo próprio de desenvolvimento, o parto agendado pode acabar induzindo um nascimento prematuro, sem que o bebê esteja realmente pronto para nascer. 

O Conselho Federal de Medicina (CFM) aconselha que, durante a 37º semana, a cesariana seja feita somente em casos de risco à vida.  


Ao completar 37 semanas de gestação, a expectativa da chegada do neném é grande. A mulher precisa preparar-se emocionalmente para o parto e para começar a cuidar do bebê. 

O Minuto Saudável traz várias informações sobre gravidez e saúde da gestante. Acompanhe nossas postagens!!!

Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *