Estela (Minuto Saudável)
15/01/2019 20:00

Pneumonia ou tuberculose? Saiba como diferenciar as doenças

Publicidade

Revisão por: Dr. Paulo Caproni (CRM/PR: 27679) – Medicina Preventiva e Social

Os dois problemas podem trazer confusão na hora do diagnóstico por terem sintomas muito parecidos. A tuberculose e a pneumonia apresentam a tosse como um dos sinais mais comuns da doença.

O diagnóstico se torna mais difícil, principalmente, em pacientes diabéticos, com insuficiência renal crônica, idosos, pessoas com problemas hepáticos ou portadores do vírus HIV.

Nesses casos, as pessoas podem apresentar quadros atípicos, tornando mais difícil o diagnóstico.

Mas, na hora de diferenciar é importante levar em conta o tempo que os sintomas levam para se agravar. A pneumonia costuma evoluir rapidamente, enquanto a tuberculose pode demorar até mesmo semanas para que o quadro piore e necessite de ajuda médica.

Uma das formas de distinção entre essas duas acontece quando o paciente apresenta sintomas típicos da pneumonia, como febre e tosse, mas mesmo com o tratamento de antibióticos não apresenta melhora do quadro. Dessa forma, a tuberculose pulmonar torna-se uma das principais suspeitas.

Outra diferença está no agente infeccioso. Enquanto a pneumonia ocorre por diferentes agentes, a tuberculose acontece por uma única bactéria, a Mycobacterium tuberculosis, também conhecida por bacilo de Koch.

Também se diferem pela transmissão, sendo a tuberculose altamente mais contagiosa do que a pneumonia.

Para o diagnóstico correto, também é importante analisar o tempo que a doença levou para se manifestar. A pneumonia é uma condição aguda, em poucas horas da infecção os sintomas começam a atingir o paciente.

O intervalo entre o surgimentos dos primeiros sinais e a busca por um médico pode ser de 48 a 72 horas, nesses casos. Já na tuberculose, o processo é diferente. Os sintomas surgem de forma gradual e mais lenta. A tosse, principal sintoma, também vai piorando com o tempo.

Fonte consultada

Dr. Paulo Caproni (CRM/PR 27.679 | CRM/SC 25.853 | CRM/SP 144.063), graduado em Medicina pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Residência Médica em Medicina Preventiva e Social pela USP-SP (PROAHSA). MBA em Gestão Hospitalar e de Sistemas de Saúde (CEAHS) pela FGV-SP

15/01/2019 14:16

Estela (Minuto Saudável)

Redatora, é jornalista pela Universidade Positivo. Autora de websérie sobre intersexualidade e identidade de gênero. Produz matérias sobre alimentação e saúde da mulher.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado Campos obrigatórios estão marcados*