O que é TSH alto e baixo, valores de referência e exame de TSH

57

O que é TSH?

O TSH é um hormônio produzido na hipófise, que age estimulando a glândula tireoide na produção de dois hormônios, a triiodotironina (T3) e tiroxina (T4), responsáveis pela regulação do metabolismo ao transformar nutrientes em energia.

A hipófise é uma glândula localizada na parte inferior do cérebro que, dentre outras coisas, tem como função regular a atividade de outras glândulas, como a da tireoide. Em um indivíduo saudável, essa glândula libera o TSH, sigla para Thyroid Stimulating Hormone Hormônio Estimulante da Tireóide -, com base nos níveis do hormônio da tireoide, para impedir de produzir hormônios insuficientes ou em excessos.

Se os níveis de T3 e T4 estão abaixo do normal na corrente sanguínea, o metabolismo fica mais lento e os níveis de TSH se elevam para estimular os hormônios. Em caso contrário, ou seja, se os níveis de T3 e T4 estão muito altos, o metabolismo acelera e a hipófise reduz a liberação do TSH, para diminuir o estímulo sob a tireoide.

Caso não haja a produção correta desses hormônios, pode, em casos graves, acarretar em doenças mentais em crianças pequenas, dificuldade no crescimento e desenvolvimento de crianças em idade escolar e outras doenças em adultos.

Índice — neste artigo você irá encontrar as seguintes informações:

  1. O que é TSH?
  2. Para que serve o exame de TSH
  3. Preparação
  4. Como é feito o exame de TSH
  5. Resultados do exame
  6. Complicações
  7. Preços do exame de TSH

Pra que serve o exame de TSH

O exame de TSH é solicitado pelo clínico geral ou endocrinologista para avaliar o bom funcionamento da tireoide. O procedimento é realizado junto com outros exames laboratoriais que medem os níveis do T3 e T4 livres e que determinam o diagnóstico de excesso ou insuficiência dos hormônios na circulação sanguínea.

Mesmo se não houver histórico de doenças na família ou sintomas, o monitoramento da tireoide deve iniciar aos 40 anos, caso não tenha sido iniciado antes.

As principais alterações da glândula tireoide são o hipo e hipertireoidismo. O hipotireoidismo é provocado pela falta de hormônios da tireoide e excesso de TSH. Quando o TSH está alto, a tireoide do paciente funciona de forma lenta por conta da falta dos hormônios do metabolismo, o que pode ocasionar ganho de peso por acúmulo de líquidos. Já o hipertireoidismo é provocado pelo excesso dos hormônios e escassez de TSH.

Quando o TSH está baixo, o metabolismo acelera com os estímulos e a tireoide funciona a mais do que deveria, o que deixa o processo de queima de gorduras e calorias mais eficiente. No entanto, casos de TSH baixo pode gerar a perda abrupta e não intencional de peso e diminuição da taxa de massa muscular.

Normalmente, o que leva ao pedido dos exames são as seguintes razões:

  • Paciente com sintomas do hipotireoidismo: cansaço, aumento de peso, desânimo, unhas sem força, fala lenta, frio, perda de memória, aumento de pelos e de acne.
  • Paciente com sintomas do hipertireoidismo: palpitações cardíacas, perda de peso, sensação de calor, pele úmida, insônia, diarreia, nervosismo, tremores.
  • Monitorar tratamentos de hipo e hipertiroidismo: para avaliar se os níveis de TSH estão controlados e se há necessidade de ajuste de dose, novos exames são realizados em torno de cada 6 a 8 semanas.
  • Gravidez: caso esteja grávida ou planejando engravidar. O exame ajuda a diagnosticar problemas de infertilidade em mulheres.

O exame de TSH pode apontar que a tireoide está em suas funções normais e, nesses casos, o problema está na hipófise e na dificuldade em produzir o TSH.

Além da alteração do nível de produção hormonal, o aumento do crescimento da tireoide e a formação de nódulos, benignos ou malignos, também podem ter um reconhecimento prévio através desse exame. Entretanto, outros métodos devem ser utilizados para fazer um diagnóstico concreto.

Preparação

A realização do exame é rápida, simples e, geralmente, somente é necessário um jejum de 3 horas. Não há outros preparos específicos para a contagem do TSH, entretanto, o paciente deve avisar ao médico quanto ao consumo de medicamentos de uso contínuo.

Sob a supervisão de profissionais, é auxiliado pausar o uso de alguns medicamentos por um período de tempo para evitar afetar os resultados dos exames, tais como:

Testes que envolvam radiação, como raio-x, e casos de estresse elevado também podem alterar os resultados. Outras variações nos hormônios da tireoide podem ser causadas por:

  • Gravidez;
  • Doenças hepáticas;
  • Doenças sistêmicas;
  • Estrogênio.

Como é feito o exame de TSH

O exame de TSH é realizado através da coleta de sangue em um hospital ou laboratório de análises clínicas. O sangue é colocado dentro de tubos de acondicionamento e levado para a análise, que costuma entregar os resultados entre 2 a 3 dias.

Os valores de TSH podem variar durante o dia, por isso é aconselhado fazer o teste no início da manhã. Após o exame, o paciente pode se alimentar normalmente.

Resultados do exame

O exame de TSH ultra sensível é o novo modelo utilizado para esse exame, nomeado dessa forma por possuir a capacidade de detectar níveis tão baixos de TSH quanto 0,1 mU/L (miliunidades (mU) por litro de sangue (L)).

Os valores de referência do exame podem variar de um laboratório para outro, mas, no geral, detém a semelhança dos seguintes resultados:

Níveis de TSH para recém-nascidos

  • Crianças prematuras (entre 28 e 36 semanas): 0,7‑27 mIU/L.
  • Recém-nascidos (entre 1 a 4 dias): 1 a 39 mU/L.

Níveis de TSH para crianças e adolescentes

  • Entre 2 e 20 semanas: 1,7‑9,1 mIU/L.
  • Entre 21 semanas e 20 anos: 0,7 a 6,4 mU/L.

Níveis de TSH para adultos

  • Entre 21 e 54 anos: 0,4 a 4,5 mU/L.
  • Entre 55 e 87 anos: 0,5‑8,9 mIU/L.

Níveis de TSH durante a gravidez

  • Primeiro semestre: 0,3‑4,5 mIU/L.
  • Segundo semestre: 0,3‑4,6 mIU/L.
  • Terceiro semestre: 0,8‑5,2 mIU/L.

Os resultados podem demonstrar o TSH acima ou abaixo do nível ideal referente a sua idade. Esses valores são causados por diferentes condições:

TSH alto

  • Hipotireoidismo: os níveis de TSH sobem para estimular a tireoide, que está produzindo hormônios T3 e T4 insuficientes para o metabolismo do corpo. A tireoidite de Hashimoto é a causa mais comum do hipotireoidismo primário.
  • Tumor na hipófise: apesar de raro e incomum, um tumor na glândula hipófise pode elevar a produção de TSH.
  • Medicamentos para hipotireoidismo: caso o paciente não faça o uso correto dos medicamentos para hipotireoidismo, os níveis de TSH voltarão a subir.

TSH alto em bebês e crianças

A disfunção da tireoide pode acontecer em qualquer idade e por razões semelhantes, mas níveis altos de TSH em crianças são mais graves do que em adultos. Os sintomas incluem o crescimento lento, fraqueza muscular, fezes raras e endurecidas, pele seca e obesidade, mesmo sem grande ingestão de alimentos.

O principal motivo que leva o nível de TSH subir em crianças é o hipotireoidismo. O exame de TSH é realizado na maternidade, para garantir a saúde do recém-nascido, principalmente se a mãe for portadora da doença. O hormônio da tireoide possui uma função importante na manutenção de uma gestação saudável, por isso crianças nascidas de mães com hipotireoidismo não tratado adequadamente podem ter hipotireoidismo congênito, doença hereditária que impossibilita a glândula da tireoide gerar o hormônio T4.

Ser portador da doença logo ao nascer ocasiona problemas no desenvolvimento e, em casos graves, pode gerar retardo mental e insuficiência cardíaca.

TSH baixo

  • Hipertireodismo: a produção em excesso dos hormônios T3 e T4 geram a escassez do TSH. O hipertireoidismo pode ser causado pela doença de Graves, por bócio multinodular tóxico ou um tumor benigno chamado nódulo tóxico.
  • Danos na hipófise: denominado de hipotireoidismo secundário, a hipófise se torna incapaz de produzir os valores corretos de TSH pela glândula tireóide.
  • Medicamentos para hipotireoidismo: os medicamentos indicados para o hipotireoidismo reduzem os níveis de TSH na corrente sanguínea, porém, exagerar em suas doses acarreta os valores do TSH mais baixos do que o normal.
  • Gravidez: o intervalo de produção de TSH é diferente no corpo enquanto a mulher está grávida, principalmente no primeiro trimestre. O médico pode sugerir que tome medicamentos para estimular os hormônios da tireoide, mesmo que seu TSH esteja com os valores normais.

TSH baixo em bebês e crianças

O TSH baixo em crianças também pode apresentar causas semelhantes aos adultos. Os sintomas incluem extremo nervosismo, hiperatividade, inchaço na base do pescoço, voz rouca e magreza extrema, mesmo com um apetite saudável.

O principal motivo que leva o TSH em crianças ficar baixo é o hipertireoidismo, que pode ser causado por tireoidite, inflamação da tireoide, ou uma dieta pobre em iodo. O hipertireoidismo congênito é uma condição rara, mas pode ser transferido pela mãe ao feto durante a gestação. Ao contrário do hipotireoidismo materno, não há evidências de que cause retardo mental nos recém-nascidos.

Complicações

No momento do exame, a picada da agulha é descrita como uma dor leve e de curta duração. No entanto, as veias e artérias variam a cada paciente, por isso retirar uma amostra de sangue pode acarretar algumas complicações para alguns, incluindo:

  • Hemorragia excessiva, principalmente para pessoas com distúrbios hemorrágicos. Se tiver problemas com hemorragia ou coagulação, informar o seu médico antes de realizar amostra de sangue;
  • Desmaio ou sensação de tontura;
  • Hematomas, que podem ser reduzidos ao pressionar o local da injeção durante alguns minutos;
  • Infecção;
  • Em casos raros, a veia pode ficar inchada após a coleta da amostra de sangue. Esse problema é chamado de flebite e pode ser resolvido com uma compressa quente algumas vezes ao dia.

Preços do exame de TSH

O exame de TSH pode ser realizado por rede pública ou privada, sob o nome padrão de TSH e T4 livre. No segundo caso, o valor pode variar de acordo com a região que será realizado o exame. Em média, o preço varia entre R$ 30 e R$ 50 em laboratórios populares, e até R$ 90 nas demais clínicas.


O exame de TSH é responsável por diagnosticar diversas doenças que envolvem a glândula da tireoide. Como dito ao longo do artigo, é um procedimento simples que pode ser acrescentado como um dos exames de rotina para manter seu organismo protegido e monitorado.

Compartilhe esse texto com seus amigos e familiares para informá-los sobre o exame e faça visitas ao seu médico para garantir resultados mais esclarecedores.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (42 votos, média: 4,40 de 5)
Loading...

57 Comentários

Atenção: os comentários abaixo são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

  1. Olá , tenho hipotireidismo e tomo Puran de 38 , mas ultimamente comecei a emagrecer muito e o medico desconfiou de alta dosagem .Dito e certo , agora fiz o Fiz o exame novamente e meu TSH deu 00,00.O que significa isso? , diminui a dosagem para 12,5.

    • Olá, Mel.
      É sempre importante que o médico interprete os exames. Em geral, o valor ideal do TSH fica entre 0,4 e 4,5 mU/L. Mas somente o seu médico poderá interpretar corretamente o resultado e, se necessário, ajustar as dosagens do medicamento.

  2. So tenho a agradecer pelo esclarecimento do TSH. hoje recebi o resultado do exame, 11,26mlu/ml , idade 62 anos, ha 3 meses estava 6.91, percebo que estou mais sonolenta, e frio nos pés… tomo Puran t4 62,5, terei consulta com medico logo dia 3.

  3. Boa Noite, minha avó fez uma cirurgia, pois a hernia estava estrangulando o intestino fazendo ter sérios problemas, somente que após a cirurgia ela ficou sedada por dias, e até se movimentava, após isso foi retirado a sedação e ela está reagindo pouco, hoje fui no hospital e ela toma remedio para tireoide, somente que no prontuario dela estavam dando dosagem de 75 mg sendo que a dosagem que ela tomava era de 25 mg, e ai reclamei e trocaram para 25 mg. Gostaria de saber se isso pode estar ocasionando a baixa reação dela a qualquer estimulo, pois ela nem está abrindo o olho. Gostaria de saber as consequências de uma dosagem acima da recomendada.

  4. Olá Boa Tarde… meu TSH – Ultra Sensivel está em 29,40 acabei de pegar o resultado pelo que vi está altíssimo.

  5. tenho 68 anos e tomo remédio para hipertensão o meu exame tiroide oscila as vezes esta alto a 7 a 8,5 e as vezes baixa a 6,5 até 5 agora a medica receitou levotiroxina 25 mg só que me da dor de cabeça e alguns sintomas esquisitos como sopro coração. sem tomar nada me sinto melhor. o que fazer li alguma coisa sobre hormônios tem médicos que não concordam tratar hipotiroidismo com remédios sintéticos. Exemplo dr. Lair Ribeiro considerado o medico dos médicos. E agora o que faço caminhadas exercícios alimentação adequada e hipertensão controlada acho que é o jeito na minha idade exames tsh até 9 e suportavel ou naõ. Aceito sugestão.

  6. Tenho Hipotiroidismo e faço uso regular de T4, tenho 24 anos e sou mulher. Faço uso de antidepressivos e ansiolíticos com prescrição médica. No último meu TSH deu extremamente alto 14, 63 ml. Meu pai teve câncer há 2 anos e fez tratamento, estou muito preocupada de estar desenvolvendo algum tumor na tireoide.

  7. Fiz exame, a tds estava 8,8 e o médico mandou fazer de novo 3 meses após e não passou medicamentos. Fiz, deu 5,8 e vou ao médico de novo amanhã, dia 22 de março de 2018 pra ver o que ele vai decidir. Valeu, li tudo e tive informações importantes sobre tireoide.

  8. Boa noite! Eu faço acompanhamento com endócrino há 3 anos e meu tsh dá sempre inferior a 0,008 e meu trab entre 10 e 12, estou tomando o Puran T4 de 75mg e o Tapazol de 10mg e não está resolvendo. O que faço?

    • Olá Pedro,

      Em caso de ineficácia no tratamento, você deve sempre procurar seu médico para que ele indique as mudanças necessárias. Somente este profissional é capaz de fornecer um diagnóstico sobre suas condições de saúde. Relate seus sintomas e aproveite para esclarecer suas dúvidas relacionadas a doença.

    • Procure sempre opinião de dois ou três profissionais , jamais fiquei só em um médico fiz isso oito anos ,tinha todos os sintomas , qualidade de vida horrível ,não se conforme em sofrer , troque de médico
      ,alguns médicos pensam que são Deus

    • Olá Rosileide,

      Lamentamos a impossibilidade de fornecer conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais, pois somos impossibilitados pela ANVISA de prestar tal atendimento. Mas nós esperamos que você encontre respostas dentro de nosso site, através de informações como bulas ou até mesmo conteúdos e artigos. Se você acha que pode ter uma emergência médica, ligue para o seu médico ou 190 imediatamente.

    • Olá Gabriela,

      Somente um médico é capaz de fornecer um diagnóstico preciso sobre as condições de saúde de um paciente. Este profissional irá analisar os resultados, juntamente como todo o seu histórico e, se necessário, solicitar novos exames. Recomendamos que você busque auxílio médico para esclarecer suas dúvidas.

    • Olá Barbara,

      O exame não indica se você está grávida ou não. O que acontece é que, na gravidez, os níveis de TSH se alteram, então os valores referência são diferentes. Por isso, se a mulher está grávida, não se deve diagnosticá-la com hipotireoidismo, uma vez que, nos 2 primeiros trimestres de gestação, o TSH é naturalmente mais baixo que o normal em mulheres não grávidas.

      Os valores apresentados no texto indicam os valores referência para cada faixa etária e etapa da vida. Se você não está grávida, desconsidere os níveis de TSH durante a gravidez.

      Entretanto, se você está com alguma dúvida, você deve procurar seu médico para discutir os resultados, ok?

    • E normal linda eu tinha hipotiroidesmo, mais depois de 6 meses de tratamento consegui normaliza hoje estou com 2,34.e olha que o meu já chegou a mais que 15,00

    • Olá Jardirene!

      O considerado normal no exame de TSH para adultos fica entre 0,4 e 4,5 entre os 21 e 54 anos. Acima dos 54, o TSH deve estar entre 0,5 e 8,9.
      Leve seu exame ao médico e ele poderá lhe dar as informações necessárias sobre eles.

    • Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois somos impossibilitados pela ANVISA de prestar tal atendimento. Mas nós esperamos que você encontre respostas dentro de nosso site, através de informações como bulas ou até mesmo conteúdos e artigos. Se você acha que pode ter uma emergência médica, ligue para o seu médico ou 190 imediatamente.

        • Olá Mayla,

          Somente um médico é capaz de fornecer um diagnóstico preciso sobre as condições de saúde de um paciente. Este profissional irá analisar os resultados, juntamente como todo o seu histórico e, se necessário, solicitar novos exames. Recomendamos que você busque auxílio médico para esclarecer suas dúvidas.

    • Olá Silvia,

      Somente um médico é capaz de fornecer um diagnóstico preciso sobre as condições de saúde de um paciente. Este profissional irá analisar os resultados, juntamente como todo o seu histórico e, se necessário, solicitar novos exames. Recomendamos que você busque auxílio médico para esclarecer suas dúvidas.

    • Olá Luciane,

      Somente um médico é capaz de fornecer um diagnóstico preciso sobre as condições de saúde de um paciente. Este profissional irá analisar os resultados, juntamente como todo o seu histórico e, se necessário, solicitar novos exames. Recomendamos que você busque auxílio médico para esclarecer suas dúvidas.

  9. Bom dia,
    O psiquiatra com quem faço acompanhamento me pediu exame de TSH, ainda não voltei no retorno mais o resultado ficou em o,o306 mU/L. é mais provável que tenha hipotireoidismo ou hipertireoidismo?

    • Olá Lorraine,

      Seria necessária a avaliação de um endocrinologista qualificado para saber o que você tem. Esses níveis baixos indicam a possibilidade de hipertireoidismo, mas não são o bastante para diagnosticar essa condição. Além disso, existem diversos outros fatores que podem interferir no resultado, como a idade ou a possibilidade de uma gravidez.

  10. Descubri ontem que estou com tireóide mais já faz um tempo que venho tendo sintomas como dificuldade de engolir alimentos uma dor na garganta fraca mais que não passa e emagrecimento fiz o exame e realmente constatou e estou em pânico pois as pessoas dizem que mata aos poucos essa doença já não sei mais a quem ouvir

    • Olá Viviane,

      Doenças da tireoide podem levar a morte caso elas não sejam tratadas. Se você for diagnosticada e seguir o tratamento certinho, dificilmente terá complicações por conta da doença. Converse com seu médico sobre essas preocupações, ele poderá lhe informar melhor.

    • Olá!

      Somente um médico é capaz de fornecer um diagnóstico preciso sobre as condições de saúde de um paciente. Este profissional irá analisar os resultados, juntamente como todo o seu histórico e, se necessário, solicitar novos exames. Recomendamos que você busque auxílio médico para esclarecer suas dúvidas.

    • Olá Gleice!

      Somente um médico é capaz de fornecer um diagnóstico preciso sobre as condições de saúde de um paciente. Este profissional irá analisar os resultados, juntamente como todo o seu histórico e, se necessário, solicitar novos exames. Recomendamos que você busque auxílio médico para esclarecer suas dúvidas.

    • Olá Luana!

      Alterações frequentes nos níveis de TSH podem indicar alguns problemas de saúde e devem ser investigadas. Recomendamos que consulte um médico para que ele possa fornecer um diagnóstico preciso sobre seu quadro clínico.

  11. Tenho Tireoidite de Hashimoto há muitos anos.
    Fiz tratamento com reposição hormonal por vários anos e parei
    Recentemente fui fazer uma cirurgia na coluna e quando estava indo pro centro cirúrgico o anestesista disse que a cirurgia seria cancelada devido meu TSH estar em 40,0.
    Fiquei arrasado e agora estou fazendo reposição hormonal novamente.
    Este artigo explicou muito bem o que acontece com quem tem o hipotireoidismo.
    Parabéns.
    Luiz Gustavo Dias Albernaz.

Deixe o seu comentário, nos preocupamos com sua opinião:

Por gentileza, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.