Sobrancelha fio a fio (micropigmentação, 3D): como fazer, preço, dói?

0

A moda muda de tempos em tempos e, com isso, transforma a nossa aparência de acordo com o que se é estabelecido como belo.

Mas qual a relação com as sobrancelhas? Bem, elas são marcantes, ajudam a definir a nossa aparência e emolduram nosso olhar. A ausência ou excesso de pelos nessa parte do corpo é marca registrada até mesmo em grandes personagens da história. Frida Kahlo e Mona Lisa são os maiores exemplos disso.

Mona Lisa, famosa pintura de Leonardo da Vinci, não foi pintada com sobrancelhas. Essa ausência dos pelos é uma das hipóteses para justificar o seu olhar penetrante que parece acompanhar os admiradores, independente do ponto de vista que se observa o quadro.

Por outro lado, Frida Kahlo, famosa pintora mexicana, tem como característica marcante as sobrancelhas grossas e unidas (monocelha). Seriam essas figuras femininas dois supostos extremos. Tudo ou nada.

Nesse sentido, percebemos que, no decorrer dos anos, as sobrancelhas também passaram por uma mudança. As finas e pouco demarcadas, comuns há pouco tempo, atualmente, cederam espaço para sobrancelhas mais desenhadas, grossas e bem pigmentadas.

Para acompanhar essa tendência, algumas mulheres buscam na maquiagem uma forma para retocar as falhas dos pelinhos. Contudo, pela correria do dia a dia ou pela praticidade, nem sempre é algo possível. Nesse sentido, a sobrancelha fio a fio é uma alternativa mais duradoura e prática.

Através de um processo de micropigmentação, novos fios são desenhados para preencher os pelos que faltam. No texto a seguir, descreveremos como funciona o passo a passo desse procedimento.

Índice ― neste artigo você encontrará as seguintes informações:

  1. O que é a sobrancelha fio a fio?
  2. Tipos de sobrancelha fio a fio
  3. Diferenças de sobrancelha esfumada e fio a fio
  4. Micropigmentação e microblading
  5. Como fazer: passo a passo da sobrancelha fio a fio
  6. Como cuidar da sobrancelha fio a fio
  7. É reversível?
  8. Preços
  9. Contraindicações
  10. Riscos
  11. Perguntas frequentes

O que é a sobrancelha fio a fio?

A sobrancelha fio a fio, uma técnica de micropigmentação, é uma forma semipermanente de correção das sobrancelhas. É feita para reduzir falhas, tornando-as mais bonitas, mas ainda assim naturais.

De certa forma, é uma técnica inspirada no processo das tatuagens, devido ao uso de um aparelho chamado dermógrafo, que contém um conjunto de microagulhas, bastante finas.

A micropigmentação é feita através dessas agulhas, responsáveis pela aplicação de tinta (pigmento) na camada mais superior da pele (epiderme), corrigindo falhas e dando um contorno mais marcante às sobrancelhas. Por ser realizado um traço único para cada fio, o processo acaba sendo menos doloroso e agressivo para a pele.

A técnica bastante popular atualmente, tem origens antigas, pois estudos indicam que a dermopigmentação (pinturas da pele, incluindo as tatuagens) para o embelezamento é algo utilizado desde 8.000 a.C.

A sobrancelha fio a fio pode ajudar também a resgatar a autoestima das pessoas que tiveram uma perda dos pelos por causa de queimaduras ou lesões no local, fazendo com que não cresça mais pelos. Assim, ajuda as pessoas a se sentirem melhor por fora e por dentro.

No entanto, por ser uma pigmentação aplicada nas camadas mais superficiais da pele, é um procedimento duradouro, mas não definitivo, sendo que costuma ter uma duração média entre 6 meses até 4 anos, dependendo do tipo de pele, pigmento e técnica aplicada pelo profissional.

Tipos de sobrancelha fio a fio

Existem dois tipos de sobrancelha fio a fio, que são divididos de acordo com o objetivo do procedimento, pois há duas intenções principais para fazer o preenchimento, divididas em micropigmentação estética e a paramédica. Entenda a diferença:

Micropigmentação paramédica

A micropigmentação paramédica é realizada em pacientes que desejam disfarçar cicatrizes, calvície, queimaduras e manchas de pele.

Leia mais: Tatuagem do bem faz alerta para doenças e esconde cicatrizes

Quando realizada nas sobrancelhas é geralmente para corrigir falhas nos pelos (alopecia), que podem ser totais ou parciais. Nesse sentido, além de contribuir esteticamente, a micropigmentação devolver a esses pacientes a autoestima e segurança com a própria imagem com técnicas cada vez melhores.

Antes de realizar a técnica, por se tratar muitas vezes da cobertura de uma área cicatrizada, é importante conversar com um médico dermatologista para avaliar a possibilidade do procedimento.

Micropigmentação estética

É feita exclusivamente para melhorar a estética das sobrancelhas, sem necessariamente cobrir ou disfarçar alguma cicatriz ou queimadura.

Pode ser uma forma de aperfeiçoar o formato das sobrancelhas em quem não está contente com elas, para adequá-las melhor ao formato do rosto, preenchendo o local de modo que o resultado fique muito similar aos fios naturais.

Diferenças de sobrancelha esfumada e fio a fio

A sobrancelha fio a fio é uma entre as técnicas utilizadas para a micropigmentação das sobrancelhas. Podem ser usadas variações de agulhas e modos de desenhar os fios. Conheça mais sobre algumas técnicas:

Compacta

É uma técnica mais recomendada para quem possui muitas falhas na sobrancelha ou que as deseja bem marcada.

Nesse processo, é feito o contorno e preenchimento completo da área com o pigmento. Para quem prefere um acabamento mais suave e natural, não é a opção mais indicada.

Esfumada

Deixa um efeito mais natural nas sobrancelhas, pois é realizado um sombreado para corrigir pequenas falhas. Diferente do que é feito na micropigmentação compacta, nesse estilo, somente o contorno é feito.

O sombreado ocorre a partir desse delineado, que é esfumado para todo o resto da sobrancelha. Assim, o resultado fica mais natural. É indicado para pessoas que possuem poucas falhas na sobrancelha.

Fio a fio com efeito degradê

Esse tipo de micropigmentação é a junção da técnica fio a fio com o efeito esfumado, pois é feito através de traços e pintura. Para isso, é necessário o uso de dois diferentes tipos de agulha, uma linear (geralmente 5 pontas enfileiradas) e uma circular (geralmente 5 pontas unidas, formando um círculo).

Primeiro, são feitos os fios, como é realizado na técnica padrão, em seguida, para o efeito degradê, com a ponta linear é feito um movimento mais suave de pintura. O resultado do traçado é mais natural.

Fio a fio com agulhas do tipo pincel diagonal

Nessa variação da técnica fio a fio são usadas agulhas lineares. Elas proporcionam um efeito mais pincelado e são menos agressivas à pele.

A técnica, basicamente, se dá pelo traçado único do pelo, que pode ser feito com o uso de 3 diferentes cores de pigmento, para proporcionar maior volume. Pode ser finalizado com o uso de pigmento ocre (variação do castanho) e mostarda, para trazer maior iluminação às sobrancelhas e deixando-as mais próximas ao natural.

Tridimensional ou 3D

A sobrancelha fio a fio tridimensional é muito semelhante ao procedimento tradicional, mas une técnicas que dão mais volume aos fios desenhados, como o esfumado e o uso de diferentes tons de pigmento.

Esse modelo é mais recomendado para pessoas que possuem sobrancelhas com grandes falhas, pois o procedimento preenche os espaços sem carregar ou marcar a região.

Micropigmentação e microblading

O propósito desses dois procedimentos é o mesmo: remodelar as sobrancelhas para torná-las mais bonitas através de uma técnica de micropigmentação. No entanto, existem diferenças que mudam o resultado.

Na micropigmentação, que inclui a técnica fio a fio, o aparelho usado se chama dermógrafo. Por ser elétrico, torna o preenchimento mais ágil, mas não mais preciso, pois os fios desenhados ficam mais grossos e, portanto, menos naturais.

Justamente por ser elétrico, pode interferir na precisão do traço ao fazer com que a mão do profissional trema. Contudo, deve-se considerar que essa firmeza no traço também é algo relativo à experiência do profissional.

Já na microblanding, as sobrancelhas costumam ter um resultado mais natural, pois os fios desenhados são mais finos e precisos. Isso acontece porque nessa técnica o aparelho usado (denominado tebori) é manual, o que proporciona maior liberdade para o profissional ao realizar os traços.

A aplicação do pigmento com o tebori é feita através de micro lâminas, fazendo com que o resultado seja mais suave e semelhante ao fio da própria cliente.

Enquanto a micropigmentação é mais rápida (cerca de 40 minutos), a microblanding é mais demorada, podendo durar entre uma hora e meia e duas horas.

Como fazer: passo a passo da sobrancelha fio a fio

A sobrancelha fio a fio é uma técnica de micropigmentação realizada por profissionais esteticistas, em clínicas especializadas ou em salões de beleza com licença, de acordo com a vigilância sanitária.

É um procedimento semelhante às tatuagens, por ser feito com a aplicação de pigmento na pele com uma máquina elétrica com pontas de agulha.

Esse aparelho, chamado dermógrafo, é composto por microagulhas em quantidades e formato diferentes (alinhado ou circular) e deposita a tinta na região definida.

Dessa forma, após avaliar o formato do rosto e chegar ao modelo ideal de sobrancelha para cada cliente, o profissional utiliza um lápis delineador para fazer o contorno da sobrancelha para depois desenhar fio por fio até conseguir preencher todas as falhas presentes.

Cuidados com a higiene

O micropigmentador deve ter um cuidado bem rigoroso com a higiene das mãos, além de fazer uso de luvas, máscara e touca. É recomendado o uso de sabonetes ou soluções à base de álcool 70%, para a assepsia das mãos.

Esse cuidado com a higiene também vale para a região das sobrancelhas da cliente, para reduzir riscos de infecções.

Onde fazer?

A sobrancelha fio a fio é uma técnica oferecida, comumente, em clínicas de estética que trabalham com micropigmentação. Contudo, é possível encontrar também salões de beleza que disponibilizam o serviço.

Nesses casos, é importante que a cliente se atente a algumas questões. Por exemplo, para ser feita em salões, é necessário que o estabelecimento esteja de acordo com os requisitos previstos pela vigilância sanitária.

Os produtos usados devem ser licenciados pela Anvisa, o procedimento deve ser feito em uma sala separada, as agulhas devem ser descartáveis e a higiene deve ser rigorosa.

Para se sentir segura com o resultado da sobrancelha fio a fio, é interessante pesquisar se o profissional tem experiência em micropigmentação e quais as opiniões dos clientes.

Ter experiência é importante para que a cor do pigmento, o traço e os cuidados corretos sejam adotados e gerem um bom resultado.

Como cuidar da sobrancelha fio a fio

Antes de fazer a micropigmentação, já é recomendado evitar a exposição ao sol pelo menos 7 dias antes do procedimento.

Após a realização do procedimento, alguns cuidados básicos devem ser tomados, especialmente nos 10 primeiros dias.

O período de cicatrização total pode levar, em média, 30 dias. Durante esse tempo, é fundamental manter alguns cuidados, como não coçar as casquinhas que se formam devido a cicatrização e utilizar pomadas que hidratam a pele, indicadas pelo esteticista ou por um médico dermatologista.

Outros cuidados incluem:

  • Realizar, pelos primeiros 10 dias, uma limpeza diária da região pigmentada com antissépticos;
  • Não usar água nas sobrancelhas, durante os 3 primeiros dias;
  • Evitar a exposição solar nos primeiros dias após a pigmentação;
  • Usar cremes e pomadas hidratantes prescritos pela profissional esteticista ou por um médico dermatologista, no mínimo duas vezes ao dia, por uma semana;
  • Evitar outros procedimentos estéticos faciais durante os sete dias após a sobrancelha fio a fio;
  • Evitar produtos oleosos ou com álcool, que dificultam a fixação do pigmento na pele;
  • Não coçar ou cutucar a descamação que ocorre no local, pois quando essa descamação não ocorre de forma natural, o resultado pode ficar prejudicado;
  • Evitar nadar durante a primeira semana após a micropigmentação, seja em água doce ou salgada;
  • Caso seja necessário mais de uma sessão, manter um intervalo de 15 dias entre elas.

Leia mais: Hidratação da Pele: importância, como hidratar, produtos e dicas

É reversível?

Sim. A sobrancelha fio a fio é um procedimento reversível, através de um processo chamado despigmentação.

Existem várias técnicas para acelerar a despigmentação, que pode ser parcial ou total. As formas mais comuns são as técnicas à laser, por dermoabrasão e química, sendo a opção a laser a mais segura e eficaz para a remoção.

Na técnica de dermoabrasão, por exemplo, a remoção acontece através de um lixamento das camadas mais superficiais da pele, promovendo uma renovação celular mais acelerada para eliminar o pigmento. Não é um método indolor, por isso é feito sob anestesia e normalmente por um médico dermatologista.

A despigmentação à laser é considerada uma técnica mais eficaz e avançada, pois destrói o pigmento e estimula a ação do sistema imunológico.

Nesse processo, a luz do laser é direcionada à região e ocasiona a quebra do pigmento em micropartículas. Esses fragmentos são absorvidos pelo sistema linfático e são eliminados de forma natural pelo organismo.

No caso da despigmentação química, há a aplicação local de ácidos que proporcionam a renovação celular, causando uma descamação da pele.

Preços

Em lugares em que a micropigmentação é feita seguindo todas as recomendações e com profissionais capacitados, o preço médio varia de 350 a 600 reais.

Quando se trata de um procedimento como esse, que é mais duradouro e que depende de uma técnica e de um profissional especializado, é importante desconfiar de preços muito promocionais. Segundo a esteticista Danielle Rocha, lugares em que o se oferece o serviço por um valor muito abaixo da média podem trazer riscos à saúde do cliente.

Contraindicações

Sem a devida orientação médica, a micropigmentação fio a fio não é recomendada para pessoas que apresentam algumas condições como:

  • Vírus HIV ou AIDS;
  • Doenças de pele, como rosácea e psoríase;
  • Glaucoma;
  • Diabetes tipo 1;
  • Hepatite;
  • Doenças em que o sangue não coagula normalmente (hemofílicos);
  • Reumatismo infeccioso;
  • Herpes;
  • Alergias.

Pessoas que na seguintes condições também devem buscar orientação profissional antes de se submeterem ao procedimento:

  • Procedimentos estéticos recentes, como aplicação de botox, silicone, metacrilato, etc;
  • Pessoas que passaram por alguma cirurgia na pálpebra, como a blefaroplastia. Nesses casos, se deve esperar, no mínimo, 6 meses;
  • Pessoas que possuem rugas muito profundas na região que seria micropigmentada;
  • Pacientes em tratamento de algum tipo de câncer;
  • Utilização de marca-passo;
  • Gestantes;
  • Lactantes.

Riscos

O procedimento é, em geral, seguro, mas de acordo com a esteticista Danielle Rocha, existem riscos, principalmente quando feito sem os cuidados necessários do profissional.

“É possível que ocorram alergias, erros de profundidade, erros de desenho e queloide, por exemplo” explica.

Leia mais: Alergia na pele: causas e como identificar os sintomas

Quanto ao procedimento, outros riscos associados incluem a possibilidade de infecções virais, infecções bacterianas e artrite séptica sobretudo quando o organismo está debilitado.

Perguntas frequentes

Sobrancelha fio a fio é definitiva?

Não. A sobrancelha fio a fio, diferente de uma tatuagem, não é definitiva. Apesar de ser um tipo de “maquiagem” bastante duradoura, se torna temporária pois o pigmento aplicado atinge apenas a camada mais superficial da pele.

É feita em um nível subepidérmico e não intraepidérmica (camadas mais profundas da pele), assim o pigmento aplicado acaba saindo naturalmente, devido a renovação celular promovida pelo organismo.

Sobrancelha fio a fio dói?

Esse tipo de procedimento não é indolor, mas a intensidade é diferente para cada pessoa. Existem clientes mais sensíveis e outras mais resistentes ao procedimento. Normalmente, durante a sessão, são utilizados anestésicos tópicos (em creme).

Quanto tempo dura a sobrancelha fio a fio?

Depende. Em média, a duração da sobrancelha fio a fio é de 18 meses, mas pode durar até 2 anos, dependendo do tipo de pele.

No entanto, é possível que a duração seja menor ou maior do que essa média, pois depende de fatores como a técnica do profissional, a profundidade da pele atingida, o tipo de pigmento, os cuidados após o procedimento e, principalmente, o tipo de pele da cliente.

Preciso retocar a sobrancelha fio a fio?

O retoque da micropigmentação depende do gosto da cliente. Pode ser que a despigmentação natural (clareamento) não seja algo que incomode alguns, mas que seja bastante incômodo para outros. Assim, podem optar pelo retoque da sobrancelha fio a fio com intervalos menores de tempo.

Na maioria dos casos, os resultados obtidos com a micropigmentação são bons já na primeira sessão. Mas, pode ocorrer da cliente achar que a intensidade da pigmentação não ficou adequada, sendo possível reforçar a pigmentação após 30 dias da sessão.

Quem faz sobrancelha fio a fio pode doar sangue?

Após o procedimento de micropigmentação fio a fio, a pessoa deve esperar, no mínimo, um ano para a doação de sangue. É o mesmo requisito para quem faz tatuagem ou coloca um piercing.

Podem ocorrer reações alérgicas?

Sim. Cada organismo pode reagir de forma diferente ao pigmento ou ao processo de cicatrização, podendo manifestar reações alérgicas ou má cicatrização. Porém são mais comuns na primeira vez em que o procedimento é realizado.

Por não reconhecer o pigmento, o organismo pode tentar expulsá-lo, como uma forma de proteção.

Quando isso acontece, a absorção é prejudicada, geralmente precisando que um retoque seja feito após a cicatrização, reforçando os lugares onde o pigmento não foi bem fixado.

Para evitar reações alérgicas, que podem provocar coceira e vermelhidão, o ideal é que todos os profissionais realizem um teste alérgico na primeira micropigmentação da cliente.

Basicamente, o teste consiste em fazer um ponto atrás da orelha da cliente, um dia antes do procedimento, com o mesmo pigmento que será utilizado.

Em alguns casos, em poucos minutos há o surgimento de reações alérgicas, o que impossibilita a realização da sobrancelha fio a fio, ao menos com o pigmento testado.


Ficou interessado nesse tipo de procedimento estético? Já fez alguma vez? Fique à vontade para compartilhar o que achou desse tipo de micropigmentação.

Para saber mais sobre saúde e hábitos saudáveis, leia também outros artigos em nosso blog. Obrigada pela leitura!

Fontes consultadas

  • Esteticista Danielle Rocha, formada em enfermagem e estética, com especialização em microblanding, microagulhamento e maquiagem definitiva.  Possui formação internacional em micropigmentação. 
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe o seu comentário, nos preocupamos com sua opinião:

Por gentileza, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.