Um período cheio de cuidados e desejos. A gestação é uma fase onde a mulher tem vontade de comer muitas coisas, porém isso não deve ser uma brecha para que a alimentação aconteça da forma errada. Tudo o que a mãe consome impacta de algum modo no desenvolvimento do bebê. É por meio dela que os nutrientes são repassados para o filho e, por isso alguns alimentos devem sempre estar presentes no cardápio.

Carnes brancas e vermelhas

A sua ingestão é importante, pois os nutrientes presentes nessas carnes auxiliam na formação das células sanguíneas e dos músculos da criança. Além de ajudar o bebê, também é um importante aliado da mãe na prevenção contra a anemia, que pode ocorrer logo após o nascimento, devido a perda de sangue. Contudo para que esses benefícios ocorram é importante optar pelos tipos magros.

PUBLICIDADE: CONTINUE LENDO O CONTEÚDO :)

Água

Sempre indispensável, a água se torna ainda mais importante durante a gestação. Neste período os casos de desidratação se tornam mais comuns, por isso é essencial que o seu consumo seja constante.

Leite e seus derivados

Devem estar presentes na dieta diária, pois eles são importantes para a formação dos músculos e ossos, além do feto como um todo.

Folhas

Alface, rúcula, agrião, salsinha, entre tantas outras, são ricas em inúmeros nutrientes. A ingestão dessas folhas ajuda principalmente a evitar a má formação do sistema nervoso do bebê.

Não indicados

Alguns dos alimentos não são indicados durante a gestação. Mas, também não devem ser necessariamente excluídos da dieta. É o caso do café, sal, açúcar, chocolate e refrigerante. Desde que o seu consumo seja consumido de forma moderada, eles não necessitam ser banidos. Já as bebidas alcoólicas e as carnes cruas devem ser evitadas a todo custo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie o conteúdo!)
Loading...

Faça um comentário:

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui