A amamentação é um dos momentos mais importantes para a vida do neném. Por meio dela, a criança pode adquirir todos os nutrientes necessários para ter um crescimento correto. 

Mas algumas crianças (que sentem muita fome) podem acabar sugando o mamilo com muita força e causar machucados. 

As pomadas para amamentação podem ajudar a evitar ou tratar essa situação. Mas antes de usá-las, o correto é conversar com o seu médico ou médica para ver se há alguma restrição ou não.   

O que é pomada para amamentação e para que serve?

A pomada para amamentação é um produto que serve para tratar as mamas com rachaduras, ressecamentos ou danos causados pela mamada. 

Esse tipo de creme ajuda: 

  • Na hidratação da pele; 
  • Na cicatrização dos machucados; 
  • Na produção de novas células do tecido dos mamilos e da auréola. 

Quais as pomadas para amamentação?

As pomadas para amamentação pode ser usadas tanto para prevenir como para tratar os machucados nas mamas. Entre os principais cremes usados para essa finalidade estão: Creme Protetor para seios memê, Lansinoh Pomada Lanolina HPA, Millar, Creme Protetor para Seios Cicatricure Maternity e Dermodex Tratamento. 

Os cremes podem ser indicados para vários fatores: 

Rachadura na mama 

Alguns dos cremes indicados para esse desconforto são: 


  • Creme para os Seios Biolab Mater Care: a embalagem tem 60g e o produto ainda contém óleo de maracujá que auxilia na prevenção de novas rachaduras; 
  • Creme Hidratante para Mamilos Suvelan: é indicado principalmente para a pele seca já que contém bastante óleo que ajuda na hidratação e na lubrificação das mamas. A embalagem contém 30g de produto; 
  • Creme Protetor para seios memê: aumenta a elasticidade da pele, evitando que os mamilos se rachem. Ele não possui perfume e contém 50g; 
  • Millar: além de tratar as fissuras já existentes, a pomada também atua como um medicamento de prevenção. Ela ainda não causa alergia e o tubo contém 30g.   

Anestésica

Para evitar a dor da amamentação, pode-se usar cremes como o  Dermodex Tratamento, o Lansinoh Pomada Lanolina HPA e o Creme Protetor para Seios Cicatricure Maternity

As pomadas anestésicas são indicadas para amenizar as dores causadas pelas fissuras e machucados decorrentes da amamentação. 

Isso porque esses cremes possuem algumas substâncias (como a Lanolina pura), que vão cicatrizando e reconstruindo a pele danificada, aliviando as dores das lesões.   

Antiestrias

As estrias são cicatrizes que se forma quando há um esticamento repentino na pele. Elas geralmente são formadas em períodos de ganho ou perda de peso rapidamente (como a gestação).

Um das pomadas usadas para evitar as estrias é o Creme Antiestrias Velastisa Cuidado dos Mamilos

Os cremes para amamentação que previnem as estrias geralmente possuem ação regeneradora da pele, já que têm óleos hidratantes que evitam o esticamento da derme.   

Além de usar medicamentos, as estrias também podem ser evitadas de outras formas como alimentação saudável (para evitar a variação de peso) e hidratação com óleos naturais (como o de semente de uva). 

Como usar?

Para saber qual a melhor forma de usar esse produto, o mais indicado é ler a bula. 

Em geral, basta pegar um pouco de pomada e passar ao redor do mamilo, fazendo uma leve massagem e dando preferência para as áreas machucadas.

A pomada deve ser aplicada pelo menos 2 vezes por dia, de preferência depois que o neném acabou de mamar. 

Vale lembrar que antes de passar o creme, é importante fazer uma higienização correta dos seios. 

Além disso, o ideal também é que os mamilos sejam expostos ao sol e ao vento, por pelo menos 15 minutos diários durante o período que a mulher estiver amamentando. 

Outra recomendação é que o uso dessas pomadas comece ainda na gestação, por volta do 7º mês. Assim, o creme poderá atuar como preventivo das lesões. 

Usar pomada para amamentação faz mal para o bebê?

Algumas marcas não recomendam que se use o produto perto da hora de amamentar. Se isso não for possível, o ideal é que se retire todo o produto do seio antes de permitir que o neném coloque a boca no mamilo. 

Essa é a regra e não a exceção. Ou seja, se ao ler a bula você não encontrar nada que diz que é seguro permanecer com a pomada durante a mamada, o correto é tirá-la antes do bebê mamar.  

Isso porque a pomada para amamentação é um creme cosmético como qualquer outro e, portanto, não foi feito para ser engolido ou digerido pelo organismo.

A grande maioria das pomadas contém uma substância chamada de BHT, que também está presente em salgadinhos, cereais, manteigas e plásticos. 

O problema é que se for consumido em excesso, o BHT pode causar algumas complicações como: 

  • Desenvolvimento de alergias; 
  • Doenças ou complicações no fígado (hepatite, por exemplo) 
  • Doenças ou complicações nos rins (insuficiência desses órgãos, por exemplo);
  • Aumento do colesterol ruim (LDL); 

Preço e onde comprar

Esse tipo de creme pode ser encontrado em qualquer farmácia física ou online e até mesmo em algumas redes de supermercados. 

Os preços podem variar entre R$10 e R$80 dependendo da região e da marca. No Consulta Remédios você pode comparar preços e comprar online!

Os preços foram pesquisados em outubro de 2019. 


A amamentação é uma das melhores fases da maternidade, mas pode vir acompanhada de algumas dores e desconfortos. 

Para isso, existem as pomadas para amamentação que podem ajudar a tratar e prevenir os machucados. 

Mas atenção: o creme deve ser retirado dos mamilos antes que a criança coloque a boca para sugar o leite materno. O Minuto Saudável traz outras informações sobre a saúde dos bebê e das lactantes. Acompanhe nossas postagens!!!


Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *