Com 31 semanas de gestação a mulher está encaminhando-se para a reta final da gravidez, já no último trimestre dessa fase de sua vida.

O bebê está mais alerta aos estímulos externos e reage com maior facilidade aos movimentos e sons emitidos pela mamãe. 

Mas, em alguns casos, a mulher pode não sentir tanto os movimentos do bebê.

Isso ocorre porque os movimentos do feto se tornam cada vez mais limitados, como consequência do menor espaço no útero.

É um período de maior atenção aos sintomas, pela possibilidade de um parto prematuro e, muitas vezes, de bastante desconforto para a mulher devido ao tamanho da barriga.

Devido ao espaço cada vez menor, o bebê passa a maior parte do tempo apertado no útero, com os braços cruzados, joelhos dobrados e o queixo próximo ao peito.

Quando as mãos estão próximas à boca, o bebê pode começar, ainda na barriga da mãe, a ter o costume de chupar o dedo. 

É uma ação que ajuda posteriormente na amamentação, na hora de pegar o peito, já que ele consegue firmar a boca no polegar e fazer o movimento de sucção. 


Veja no texto a seguir os principais sintomas que a gestante tem e as mudanças do bebê em 31 semanas de gestação:

31 semanas de gestação são quantos meses? Já pode nascer?

Quando a gestante está com 31 semanas de gestação significa que está no final do sétimo mês. Com esse tempo, é possível que o bebê possa nascer, mas ainda é considerado um parto prematuro.

Pelo risco desse tipo de parto, é importante que as mulheres saibam a diferença entre os sintomas do parto e das contrações de Braxton Hicks.

Sintomas do parto prematuro

As contrações de Braxton Hicks surgem durante o terceiro trimestre de forma irregular e passageira. 

A mulher pode sentir um aperto geral do útero ou ter a sensação de que o bebê está fazendo movimentos bruscos.

Não são tão dolorosas quanto as contrações pré-parto e não são motivo de alarme ou preocupação. 

Elas podem ocorrer e passar após algumas horas, mas não são todas as mulheres que as sentem, especialmente tratando-se da primeira gestação.

Os sintomas que realmente indicam que a mulher está entrando em trabalho de parto prematuro são:

  • Cólicas semelhantes às menstruais localizadas acima do osso púbico;
  • Dor ou pressão na região lombar;
  • Diarreia;
  • Aumento de corrimento vaginal;
  • Corrimento rosado ou marrom;
  • Sangramentos;
  • Cólicas intestinais.

Leia mais: Sétimo mês de gravidez: conheça as mudanças da mãe e do bebê

Qual o tamanho e quanto pesa um feto de 31 semanas?

O bebê com 31 semanas de gestação possui um peso, em média, entre 1300g e 1500g. O tamanho do feto nesse estágio é de cerca de 38cm.

Nessa fase, o bebê passa a ganhar peso de forma mais acelerada, cerca de 200g por semana. 

A cabeça do bebê é uma das que mais crescem, pois o cérebro tem um aumento no tamanho. As células nervosas também apresentam um crescimento maior. 

A visão do bebê também está bem desenvolvida e até o nascimento ainda continua aprimorando-se. Ao nascer, o recém-nascido foca mais em objetos próximos e aos poucos vai se acostumando às cores e a focar em objetos distantes.

Leia mais: Terceiro trimestre de gravidez: conheça os sintomas e exames

Sintomas com 31 semanas de gestação

Com 31 semanas de gestação a mulher pode apresentar sintomas como dor na região da bacia, prisão de ventre, dor na região das costelas e perda de fôlego.

Este último sintoma pode acontecer devido ao fato do bebê empurrar o diafragma em direção aos pulmões. Assim, a mulher apresenta maior cansaço, falta de ar e perda de ritmo na respiração.

Entre a 37ª e 38ª semana, a falta de fôlego  dá uma trégua pois o bebê desce para a pélvis, deixando mais espaço para o diafragma.

A mulher também pode sentir maior cansaço pela dificuldade de encontrar uma posição confortável, devido ao peso do bebê e ao tamanho da barriga.


Com 31 semanas de gestação, o bebê está mais apertado dentro da barriga da mãe, mais consciente dos estímulos externos e continuando a ganhar mais peso nesta reta final da gestação. 

A mulher também pode ter alguns sintomas e características específicas, como as contrações de Braxton Hicks, que dão aquela sensação de barriga dura. Diante de qualquer sintoma incomum, a gestante deve procurar ajuda médica. 

Continue acompanhando artigos sobre gravidez aqui no Minuto Saudável!


Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *