A coceira no cachorro aparece, no geral, como um sintoma de diferentes condições (sarna, pulgas, alergia, etc). Ela gera um grande incômodo ao animal e não deve ser encarada como algo comum.

Quando aparece, é um alerta para outro problema que pode estar acontecendo. Então, sempre é preciso acompanhamento de um(a) veterinário(a) para descobrir sua origem.

Na sequência, você pode entender melhor quais doenças podem gerar coceira no cachorro e qual o remédio para tratar cada uma delas. Confira:

Índice — neste artigo você vai encontrar:

  1. O que pode causar coceira no cachorro?
  2. Qual remédio para coceira no cachorro?
  3. O que fazer quando o cachorro coça muito a orelha?
  4. Remédio caseiro para coceira em cachorro: como fazer? Funciona?

O que pode causar coceira no cachorro?

Diferente do que muitas pessoas pensam, coceira no cachorro nem sempre é sinal de pulgas, embora essa também seja uma causa muito comum.

Porém, vários outros fatores podem provar esse desconforto no animal e para saber ao certo o que está acontecendo, é imprescindível buscar o auxílio de um(a) veterinário(a).

Dessa forma, será possível obter um diagnóstico correto, considerando que cada problema carece de um tratamento específico. Nesse sentido, algumas das causas mais comuns são:

  • Sarna — essa doença é causada por um ácaro e deixa o cachorro com muita coceira e queda de pelo, causando feridas por todo o corpo;
  • Otite — quando o cão está com otite, costuma coçar muito a orelha. Essa doença é muito comum e é causada por microrganismos que se instalam principalmente devido à umidade;
  • Reações alérgicas — assim como os seres humanos, os bichinhos também podem ter alergia a alimentos, plantas, etc. O que pode causar reação cutânea e a coceira;
  • Dermatite atópica —  essa é uma doença hereditária, considerada uma alergia grave e que causa muita irritação e coceira na pele. No geral, se manifesta quando o cachorro tem contato com poeira, ácaros e até produtos de limpeza mais fortes;
  • Seborreia — ocorre devido a um problema nas glândulas sebáceas (filtram o sebo da pele) dos cães, pode ser hereditário ou aparecer de forma isolada. Essa doença causa feridas, manchas vermelhas e coceira.

Qual remédio para coceira no cachorro? 

Conforme mencionado, cada situação exige um tratamento diferente. Alguns são mais rápidos e até mesmo em única dosagem, já outros podem durar até semanas.


Além disso, assim como a automedicação não é indicada para seres humanos, ela também não vai fazer bem para seu amiguinho. Por isso, antes de comprar qualquer medicação, busque um(a) veterinário(a).

Na sequência, você pode conferir algumas opções que podem ser receitadas pelo(a) profissional de acordo com diferentes casos:

Dermatite

A dermatite canina é uma alergia do tipo grave e, normalmente, sua causa está relacionada com fatores hereditários. 

Essa condição tende a se manifestar quando o cachorro tem contato com poeira, ácaros e até mesmo com produtos de limpeza mais fortes — o que pode variar entre cada animal.

O principal sintoma é a irritação na pele, que causa muita coceira. Consequentemente, o cão tende a buscar formas de aliviar o incômodo, de forma que ao se coçar incessantemente pode causar feridas.

Assim, o ideal é buscar um(a) veterinário(a) e tratar a coceira o quanto antes. Porém, quando isso não é feito, não deixe de buscar auxílio profissional para tratar os machucados, pois se não podem evoluir para infecções.

Nesse sentido, alguns medicamentos utilizados para tratar a coceira e as feridas são:

Alergia

Assim como os seres humanos, diferentes coisas podem causar alergia nos pets. Então, é comum que apareçam sintomas como coceiras, erupções cutâneas, vermelhidão na pele, etc.

Dessa forma, se o seu amiguinho apresentar coceira excessiva, observe se há algum dos outros sintomas associados. Em seguida, o ideal é buscar ajuda de um(a) veterinário(a) para buscar saber a origem da alergia — a fim de resolver o problema e evitar sua recorrência.

Na maioria das vezes, o(a) profissional indica o tratamento com um antihistamínico (remédio para alergia). Porém, em situações específicas pode ser necessário outro cuidado ou tratamento complementar, especialmente em casos de alergia alimentar.

Mas, entre os medicamentos comumente utilizados no caso de alergia canina estão:

  • Alergovet Coveli para Cães e Gatos Comprimidos;
  • Meticorten MSD Comprimidos;
  • Dermotrat Spray OuroFino.

Pulgas

Não é novidade que as pulgas causam bastante incômodo aos bichinhos e, dependendo da gravidade, podem até causar feridas no corpo do cachorro devido à coceira incessante.

O ideal é sempre realizar um acompanhamento de rotina com um(a) veterinário(a) de confiança, para que o cãozinho esteja com os antipulgas em dia. Assim, evitando esse tipo de problema.

Porém, quando ocorre do cachorro ficar com pulgas, alguns remédios podem ser indicados:

Otite

O ouvido é uma região muito sensível e bem suscetível a bactérias e fungos. Para prevenir, é muito importante manter uma boa higienização e cuidar com resquícios de água no ouvido do seu cãozinho.

Isso pode ocorrer, principalmente, na hora do banho do animal. Então, se você dá banho em casa, tente evitar a água nessa região e na hora de secar se certifique que não está úmida.

Caso você tenha o costume de mandar seu pet para tomar banho em outro local, opte sempre por um estabelecimento de confiança. Se necessário, reforce sobre o cuidado com os ouvidos.

Quando o cachorro está com otite, sente muito incômodo e um dos principais sintomas é a coceira na orelha (a fim de tentar aliviar a dor). 

Sendo assim, se notar seu amiguinho com essa mania, busque um(a) veterinário(a).

Com o diagnóstico correto, ele(a) poderá receitar o tratamento apropriado — normalmente inclui medicamentos de uso local (aplicação no ouvido), tais como:

Quando necessário, o(a) veterinário(a) também pode indicar um medicamento com ação anti-inflamatória e/ou analgésica, para ajudar no alívio das dores.

Sarna

A sarna é uma doença transmitida por um ácaro e, no geral, deixa o cachorro com muita coceira e queda de pelo. Além disso, causa feridas pelo corpo todo, gerando um grande incômodo para o bichinho.

Sendo assim, se notar essas alterações em seu cão, busque ajuda de um(a) veterinário(a) o quanto antes. Pois, nesses casos, tende a ser necessário tratamento com medicamentos como:

  • Tiuran Spray;
  • Solução Sarnicida Duprat Tiuran;
  • Sarnicida Coveli Tetisarnol em Spray;
  • Cefalexina.

Além disso, é comum também que o cachorro precise de produtos específicos para a hora do banho, como shampoos medicamentosos e sabonetes.

O que fazer quando o cachorro coça muito a orelha?

Quando o cachorro coça muito a orelha, pode ser um sintoma de Otite (em alguns casos, também há secreção). Trata-se de uma infecção auricular, que normalmente é causada por falta de higiene no ouvido ou umidade na região. Nesse caso, deve-se sempre buscar auxílio veterinário para diagnóstico.

Isso porque a Otite é uma infecção que precisa de tratamento medicamentoso, conforme mencionado no tópico anterior.

Além disso, ela causa muita dor e incômodo ao bichinho. Então, o quanto antes iniciar o tratamento correto, melhor será para o seu companheiro.

Remédio caseiro para coceira em cachorro: como fazer? Funciona?

Os remédios caseiros podem ser uma opção para aliviar a coceira do cachorro em alguns casos, quando feitos com ingredientes que tenham propriedades calmantes (como a erva cidreira e a lavanda).

Porém, isso não deve substituir nunca o acompanhamento veterinário. Conforme mencionado, a coceira normalmente é um sintoma de outro problema, o qual muitas vezes carece de um tratamento medicamentoso.

Sendo assim, o remédio caseiro pode atuar apenas como um cuidado complementar.

Nesse sentido, vale pedir auxílio ao(à) veterinário(a) para escolher um que seja seguro e não prejudique a saúde do seu amiguinho. 

Uma opção, por exemplo, é utilizar o chá de camomila na hora do banho do cachorro. Você pode fazer 1L de chá e deixar esfriar.

Então, após lavar seu amiguinho com água e sabão, retire o excesso de água e aplique o chá de camomila nas regiões em que ele costuma apresentar coceira. Caso seja generalizada, você pode aplicar em todo o corpo do cão (deixe secar naturalmente).

Devido às propriedades calmantes dessa erva, é possível que seu amiguinho sinta alívio.

Vale destacar que você deve evitar o uso de shampoos perfumados, que podem causar sensibilidade ao cãozinho. Além disso, vale escovar o pelo para remover aqueles que caem e não se desprender do corpo, podendo causar coceira.


A coceira no cachorro pode ocorrer por diferentes motivos. Por isso, é muito importante buscar o auxílio veterinário para um tratamento correto e aliviar esse sintoma tão incômodo ao seu amiguinho.

Gostou do conteúdo? Confira mais dicas na aba Pet aqui do Minuto Saudável!


Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.