Acordar com dor de cabeça, tontura e enjoo após o consumo exagerado de bebidas alcoólicas podem ser sinais característicos da ressaca. Nas festas de final de ano, feriados e finais de semana é muito comum se deparar com situações como essa. Para evitar ou amenizar os problemas que ela traz, alguns cuidados podem ser tomados.

Malefícios

É comum sentir seus sinais na manhã seguinte e, não é à toa. O exagero na hora de beber não traz somente incômodo, como também é considerado uma forma de intoxicação que pode trazer problemas para o organismo.

Os efeitos álcool podem chegar a todos os órgãos. No fígado ocorre o aumento de gordura e com isso há a possibilidade de acontecer hepatite alcoólica e cirrose hepática. A cirrose também pode levar ao desenvolvimento de problemas sérios como a formação de varizes no esôfago.

Já no cérebro, pode acontecer um processo de intoxicação aguda, decorrente do consumo excessivo.  O álcool traz problemas também para o aparelho digestivo, ocasionando irritações graves no esôfago, além de provocar distúrbios gástricos que acabam piorando os sintomas de outras doenças, como gastrite.

Qual é o caminho do álcool no organismo?

O fígado pode aguentar no máximo uma lata de cerveja ou uma taça de vinho por hora, o que corresponde a 10 gramas de álcool. Quando a bebida passa pelo sistema digestivo, ela vai diretamente para o fígado, orgão responsável pela metabolização de diversas substâncias que vão para o sangue.

A vontade constante de ir ao banheiro é o primeiro sinal de que a bebida está fazendo efeito, isso acontece devido a liberação de vasopressina que é produzida na hipófise e aumenta a pressão do sangue dilatando os vasos sanguíneos.

A citocina – molécula que fica perto das células de defesa do corpo – faz com que o humor se torne inconstante e a memória não funcione normalmente, causando confusão por conta da baixa glicose no sangue.

Os sintomas mais comuns

A dor de cabeça é a reação que mais costuma surgir. Enjoo, cansaço, náuseas e vômitos também são muito comuns.

Como prevenir a ressaca?

A principal recomendação é não exagerar na bebida. Caso isso não aconteça, é aconselhado não misturar fermentados com destilados. Revezar a bebida alcoólica com água é uma boa medida para que a ressaca não seja pesada no dia seguinte.

Comer corretamente, optando pelos alimentos menos gordurosos também pode ser fundamental, já que a sua ingestão também costuma irritar o estômago. Aposte em alimentos ricos em carboidratos, eles costumam se transformar em glicose quando digeridos, o que pode ajudar a diminuir os efeitos e sintomas causados pelo excesso da bebida.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Avalie o conteúdo!)
Loading...

Faça um comentário:

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui