Fitness

Chimarrão: ajuda a emagrecer? Como preparar?

Por Redação Minuto SaudávelPublicado em: 19/08/2022Última atualização: 19/08/2022
Por Redação Minuto Saudável
Publicado em: 19/08/2022Última atualização: 19/08/2022
Foto de capa do artigo

Símbolo da cultura gaúcha, o chimarrão vai além de uma bebida quente ideal para dias frios, já que a erva-mate, planta que serve de base para preparar o chimarrão, é fonte de diversos benefícios à saúde. 

No entanto, o chimarrão também apresenta alguns problemas em relação ao consumo, sendo necessário ter certos cuidados para evitar complicações. Portanto, se você aprecia a bebida e deseja saber qual papel ela desempenha no seu organismo, nesse texto, nós do Minuto Saudável te contamos em detalhes. Veja:

Índice — neste artigo você vai encontrar:

  1. Qual a origem do chimarrão?
  2. Qual a diferença entre chimarrão e tereré?
  3. Benefícios
  4. O chimarrão ajuda a emagrecer?
  5. Como preparar
  6. Contraindicação

Qual a origem do chimarrão?

O chimarrão (ou mate, como é chamado em países de idioma espanhol) é uma bebida de origem indígena, especificamente dos povos quínchas, aimarás e guaranis, popularmente consumida no Sul do Brasil. Ela é elaborada a partir da adição de erva-mate e água quente em uma cuia.

A exploração comercial da erva-mate se deu a partir de expedições de espanhóis nas terras de Guayrá (atualmente refere-se ao Estado do Paraná), quando observaram que povos indígenas ingeriam uma bebida em um recipiente de porongo (espécie de Lagenaria) com o auxílio de um canudo feito com taquara. 

Segundo a pesquisa Produção da Extração Vegetal e da Silvicultura (PEVS) do IBGE, o Paraná é o maior produtor da erva-mate, com 86,4% da produção nacional. Santa Catarina e Rio Grande do Sul também são grandes produtores da planta. 

A erva-mate utilizada na preparação do chimarrão se diferencia da que compõe o chá de erva-mate, visto que para fazer esse último, é necessário que a erva seja submetida a um processo de tostagem.

Qual a diferença entre chimarrão e tereré?

Cuia de terere.
Na preparação do tereré a erva-mate utilizada é triturada, conferindo um sabor mais leve.

É normal que muitas pessoas se confundam e acabem pensando que o chimarrão e o tereré são a mesma coisa, no entanto, apesar de ambas serem feitas com a erva-mate e serem consumidas através de uma bomba, cada bebida tem suas próprias características, diferenciando uma da outra.   

O tereré tem origem paraguaia, sendo reconhecida oficialmente em dezembro de 2020 como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela Unesco. A bebida é preparada com um mix de ervas trituradas (incluindo a erva-mate) e aroma de frutas que são selecionadas de acordo com a preferência de cada pessoa, normalmente a combinação é bem refrescante, uma das mais usuais é de hortelã e limão.   

Dessa forma, por ter um sabor leve (pois a erva-mate utilizada é triturada, ao invés de moída, como no chimarrão) e ser servido com água gelada. O tereré é ideal para aliviar o calor dos dias mais quentes, enquanto chimarrão é adequado para quando há queda de temperatura.

Benefícios

Estudos demonstram que o chimarrão é rico em diversos nutrientes como vitamina B1, B6, C, D, E e minerais (ferro, fósforo, potássio e manganês). Também apresenta propriedades medicinais que atuam no organismo, promovendo muitos benefícios. Entre os principais é possível citar:

  • Ajuda na digestão: a bebida age no sistema digestivo, garantindo melhor absorção dos nutrientes e impedindo a prisão de ventre; 
  • Ação diurética:  o chimarrão incentiva a eliminação de líquidos do organismo e reduz o inchaço corporal, pois atua aumentando a funcionalidade dos rins e da bexiga; 
  • Estimulante físico e mental: por ser rico em alcaloides, especialmente a cafeína, o chimarrão diminui o cansaço muscular e mental, ajudando na recuperação de atividades extenuantes e promovendo a energia necessária para fazer tarefas do dia a dia. 
  • Auxilia no controle do colesterol: os compostos fenólicos que estão presentes na bebida, opera inibindo uma enzima que realiza a síntese da glicose no fígado, o que possibilita a redução do colesterol ruim;
  • Efeito antioxidante:  substâncias antioxidativas que compõem o chimarrão como polifenóis, são úteis para o combate do envelhecimento celular, assim como doenças que afetam o sistema cardiovascular, alguns tipos de cânceres e infecções que baixam a imunidade.

O chimarrão ajuda a emagrecer?

O chimarrão não tem “ação milagrosa” no processo de emagrecimento, no entanto, algumas propriedades presentes na bebida promovem vantagens que contribuem para a perda de peso. 

Isso porque atua de maneira diurética e laxativa, ajudando a eliminar líquidos retidos no organismo que provocam  a sensação de inchaço corporal, sendo muito proveitoso para quem deseja “se livrar” de alguns quilinhos e manter a boa forma.

Além disso, devido à erva-mate utilizada no preparo do chimarrão conter cafeína, quando ingerida, a bebida deixa o organismo mais enérgico, sendo uma vantagem para se sentir estimulado para a prática de atividade física. 

Como preparar

Chaleira e cuia de chimarrão.
O chimarrão pode ser feito de diversas formas, porém o modo mais tradicional é o escolhido pela maioria das pessoas.

Para preparar o chimarrão é preciso uma cuia e uma bomba (feita normalmente de alumínio inox) e a erva-mate. Dependendo da textura da erva escolhida (principalmente de consistência muito fina) pode ser necessário colocar um filtro para que resíduos de erva não entupam a bomba.  

Todos esses itens podem ser adquiridos em supermercados, lojas especializadas ou de artesanato. Quem mora na região Sul, terá maior facilidade na hora da compra, porém é possível achar os artigos em outras localidades do país (há ainda a opção de encomendar a cuia, bomba ou filtro pela internet).  

Tendo à disposição todos os itens, o passo a passo para fazer o chimarrão tradicional é:

  1. Colocar a água para esquentar (lembre-se de não deixar ferver, pois queima a erva e  faz com que fique amarga, estragando o sabor. Sendo assim, a temperatura ideal é em torno de 70 ºC);
  2. Depositar ⅔ de erva-mate (caso não seja suficiente para o tamanho da cuia, aumente a quantidade) em um dos lados da cuia com o auxílio de uma tampa comum de qualquer recipiente (vire a boca da cuia para a tampa, fazendo com que a erva fique de um lado apenas);
  3. Na sequência, despeje a água quente no lado vazio da cuia;
  4. Tape a boca da bomba com os dedos e a posicione na cuia, e por fim tome e sirva os demais (seguindo a tradição gaúcha, passe a cuia ao outro sempre com a mão direita); 

Para complementar o chimarrão, pode ser adicionado conforme a preferência outras plantas como camomila, erva-doce, hortelã, alecrim, entre outras. 

Contraindicação

As contraindicações do chimarrão são referentes ao excesso, visto que a erva-mate tem alta quantidade de cafeína que pode causar irritabilidade, insônia e até gastrite. Além disso, pode ocasionar doenças graves, como o câncer de esôfago e estômago. Portanto, é recomendado consumir menos de 1 litro por dia. 

Também é válido ressaltar que a higienização dos itens utilizados no chimarrão (cuia e bomba) deve ser feita cada vez que forem usados, impedindo assim que bactérias causadoras de infecções se acumulem nos objetos. 


Além de trazer diversos benefícios à saúde, quando consumido moderadamente, o chimarrão é uma forma de reunir a família e amigos para conversar, sendo a “roda do chimarrão" muito presente na cultura do sul do país. Por isso, quem aprecia a bebida pode aproveitar para servi-la como sinal de hospitalidade e estreitar as relações.

Gostou deste conteúdo? Então continue acompanhando o Minuto Saudável para mais informações sobre saúde e bem-estar! 

 Fontes consultadas

Compartilhe

Sobre o Minuto Saudável

Somos uma empresa do grupo Consulta Remédios. No Minuto Saudável você encontra tudo sobre saúde e bem-estar: doenças, sintomas, tratamentos, medicamentos, alimentação, exercícios e muito mais. Tenha acesso a informações claras e confiáveis para uma vida mais saudável e equilibrada.

Somos uma empresa do grupo Consulta Remédios. No Minuto Saudável você encontra tudo sobre saúde e bem-estar: doenças, sintomas, tratamentos, medicamentos, alimentação, exercícios e muito mais. Tenha acesso a informações claras e confiáveis para uma vida mais saudável e equilibrada.
Banner anuncie em nosso site
Banner anuncie em nosso site
Nos acompanhe nas redes sociais:
Atenção: O conteúdo do site Minuto Saudável, como textos, gráficos, imagens e outros materiais são apenas para fins informativos e não substitui o conselho médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Se você acha que pode ter uma emergência médica, ligue para o seu médico ou 192 imediatamente. Minuto Saudável não recomenda ou endossa quaisquer testes específicos, médicos (profissionais de saúde), produtos, procedimentos, opiniões, ou outras informações que podem ser mencionados no site. A confiança em qualquer informação contida no site é exclusivamente por sua conta e risco. Se persistirem os sintomas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico. Leia a bula.

Minuto Saudável © 2022 Blog de Saúde, Beleza e Bem-estar
Política de Privacidade