Redação Minuto Saudável
30/06/2017 13:12

Bula, embalagem e rótulo de medicamento: como usar as informações contidas neles?

Na hora de consumir um medicamento, a bula, a embalagem e o rótulo são pouco notados e muitas vezes até ignorados pelo paciente. Informações importantes encontradas neles podem ser muito úteis na hora da compra e até mesmo durante a utilização.

Por determinação da ANVISA, os produtos devem conter informações obrigatórias sobre o medicamento que facilitem o uso do mesmo, assim como possíveis reações e cuidados que devem ser tomados.

Quais informações o produto deve conter?

Uso em gestantes, indicação e contraindicação, validade, via de administração, armazenamento, entre outras.

Indicação e ação

Estas são algumas das primeiras informações listadas na bula. Nesses tópicos é possível entender sua ação, o tempo em que ela ocorre e as indicações gerais do produto.

Reações e excesso de medicação

Além da consulta ao médico, prestar atenção aos efeitos adversos citados na bula é muito importante para evitar qualquer tipo de problema.

Prazo do medicamento

Verificar a data de fabricação e validade do produto são atitudes essenciais. Apenas dessa forma é possível evitar que o problema de saúde do paciente se agrave ao ingerir produtos vencidos.

SAC

Já o telefone do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) é uma importante ferramenta a favor da insatisfação do usuário. A ligação, que costuma ser gratuita, deve ser utilizada em casos de reclamações sobre determinado produto e também pode auxiliar no esclarecimento de dúvidas.

16/01/2019 16:36

Redação Minuto Saudável

Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável. Confira mais na nossa página de quem somos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado Campos obrigatórios estão marcados*