Usar aparelhos eletrônicos durante a noite interfere na qualidade do sono

0

As crianças e adolescentes que nasceram em um mundo repleto de aparelhos tecnológicos e redes de internet sem fio cresceram com o costume de carregar consigo smartphones e tablets, inclusive em horários de descanso.

Apesar disso, um estudo realizado recentemente na Noruega, por pesquisadores da Uni Research Health, chegou à conclusão que esse hábito pode ser extremamente prejudicial aos adolescentes.

Noites interrompidas

Foram observados jovens entre 16 e 19 anos que tinham o costume de passar mais de duas horas com os aparelhos eletrônicos. Como resultado, comprovou-se que o uso prolongado afetou as noites de sono, e consequentemente, reduziu o rendimento escolar.

Livro impresso x tablet

Aparentemente o problema também pode afetar os leitores de versões digitais de livros. Um estudo feito pela Escola de Medicina de Harvard, nos Estados Unidos, comprovou que a leitura de tablets antes de dormir afeta consideravelmente as noites de sono.

Trocar os livros comuns pelas versões digitalizadas pode não ser a melhor opção, principalmente durante a noite. A luz dos aparelhos pode interferir no relógio biológico, que é guiado naturalmente pela incidência de luminosidade (dia e noite).

A explicação é simples, o tempo de exposição à luz artificial dos aparelhos tecnológicos (tablets, smartphones e televisões de LED) pode afetar a produção de melatonina, hormônio responsável por regular as noites de sono.

Alternativas

Antes de dormir, é preferível que os tablets e smartphones sejam deixados de lado. Sempre que possível, troque a versão digital pelo livro impresso. Procure leituras relaxantes e que não prendam muito a atenção (histórias que exigem demais do raciocínio também podem interferir no sono). Além disso, evite assistir programas ou filmes muito agitados.

Saiba mais:

A importância da leitura no dia a dia

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe o seu comentário, nos preocupamos com sua opinião:

Por gentileza, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.