Utilizar a pílula do dia seguinte é fácil. Ela pode vir em um ou dois comprimidos, dependendo do fabricante.

Quando o comprimido é único, basta tomá-lo preferencialmente acompanhado de água. No caso de dois comprimidos, deve-se ler a bula para se ter certeza da ordem em que eles devem ser tomados, mas em geral deve-se tomar o primeiro comprimido o quanto antes e o segundo 12 horas depois.

Leia mais: confira a bula do Levonorgestrel, princípio ativo da pílula.

De quanto em quanto tempo é possível tomar a pílula do dia seguinte?

Médicos indicam tomar a pílula no máximo até uma vez por ano. Ela é considerada um método contraceptivo de emergência e é apenas nesses casos em que deve ser usada.

Apesar dessas indicações, muitas mulheres usam com frequência exagerada, algumas chegando a três vezes no mesmo mês, sofrendo os diversos efeitos colaterais da repetição.

Eu só posso tomar ela no dia seguinte?

A pílula do dia seguinte tem um nome que engana. Ela não foi feita para se tomar no dia seguinte, mas o mais rápido possível após a relação sexual. Quanto mais cedo você a toma, mais eficaz ela será.

Ela pode ter efeito até cinco dias depois da relação, mas as chances não estarão do seu lado nesse caso. Portanto, o recomendado é ir atrás da pílula do dia seguinte logo após a falha de seu método anticoncepcional ou esquecimento dele.


Fonte consultada

Dra. Francielle Tatiana Mathias (CRF/PR 24612), farmacêutica generalista (CRF/PR 24612) com mestrado em Ciências Farmacêuticas pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (2013) e doutorado em Farmacologia pela Universidade Federal do Paraná (2018)


Leia mais: Como colocar camisinha masculina, feminina e os erros mais comuns


Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *