Parecem surgir do nada e, muitas vezes, podem causar uma dor muito incômoda. As varizes surgem por diversos fatores, que vão desde os genéticos até os maus hábitos. Quando começam a surgir, é possível sentir coceira e sensibilidade na região afetada.

As varizes consistem em veias profundas ou superficiais, que se tornam deformadas e dilatadas nas pernas após o acúmulo de irrigação sanguínea na região. Pessoas que necessitam em pé durante muito tempo são as mais acometidas pela complicação.

Por que acontece?

As válvulas na veia são responsáveis por movimentar o sangue em direção ao coração, após a irrigação dos membros inferiores. Quando este mecanismo falha, o sangue se acumula na veia e causa a sua dilatação.

Embora seja um problema conhecido por atingir as pernas, as varizes podem ocorrer em qualquer região do corpo. As mulheres são as principais afetadas pelo problema.

Algumas das causas para seu aparecimento é a predisposição genética, presença de válvulas defeituosas congênitas e de tromboflebite.

Outros fatores que podem contribuir para o surgimento das varizes são:

  • Mulheres em períodos de menstruação e gravidez podem estar mais suscetíveis ao agravamento da situação;
  • Pessoas obesas também têm mais probabilidade de serem afetadas pelas varizes, devido à mudança do volume sanguíneo nas veias;
  • Idosos: com a idade pode ocorrer um processo comum de degeneração dos vasos sanguíneos e ocasionar as varizes;
  • Ficar muito tempo em pé ou sentado com as pernas pendentes.

Outros fatores

  • Depilação com cera quente não causa varizes, porém pode agravar o problema em quem já o tem;
  • Calças muito justas pode comprimir demais e prejudicar a circulação;
  • Usar salto alto contribui para o aparecimento das varizes. Com a força da panturrilha sendo necessária, o sangue não consegue ser bombeado para cima;
  • Viagens longas podem causar varizes, por isso é necessário levantar e caminhar um pouco, de hora em hora.

Sintomas

Os principais sinais que as varizes podem apresentar são: sensação de peso nas pernas, formigamentos, coceiras e sensibilidade na região, além de cãibras e queimação. Em casos mais agudos, lesões descamativas, edemas nos pés, úlceras, manchas escuras nas pernas e nos pés podem aparecer. Esses incômodos são mais comuns em locais com altas temperaturas.

Cuidado

É preciso ter cuidado. Quando uma veia é ferida pode haver sangramento intenso. O local deve ser comprimido com uma toalha até que a saída de líquido diminua e a situação fique sob controle. Depois, a área deve ser lavada com sabão e água; um curativo deve ser feito.

As varizes contribuem para o surgimento de flebite, portanto é importante que elas sejam tratadas para não haver complicação. O médico deverá ser consultado assim que os primeiros sinais de varizes surgirem.

Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Editor Médico

Dr. Paulo Caproni

CRM/PR 27.679

Graduado em Medicina pela PUCPR. Residência Médica em Medicina Preventiva e Social pela USP. MBA em Gestão Hospitalar e de Sistemas de Saúde pela FGV.

Farmacêutica Responsável

Dra. Francielle Mathias

CRF/PR 24612

Farmacêutica generalista, com Mestrado em Ciências Farmacêuticas, ambos pela Unicentro. Doutorado em Farmacologia pela UFPR.

Participe da discussão

2 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

  1. Muito bacana, uma dúvida existe algum remédio para quem está com varizes no estagio inicial ?

    1. Olá Elaine!

      Existem medicamentos que ajudam a estimular a circulação e atuam na melhora dos sintomas, mas mesmo estando em estágio inicial é preciso ir ao médico para que este profissional avalie seu caso em particular. Somente um especialista saberá dizer qual o real estágio da sua condição e indicar o melhor tratamento para suas necessidades. Consulte um angiologista!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *