Segundo o último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde, o número de casos de dengue tem aumentado no Brasil e são preocupantes. Em comparação com os casos registrados em janeiro de 2018, houve um aumento de 149% nessa mesma época do ano.

Só no início deste ano foram registradas 5 mortes pela doença, nos estados de Tocantins, São Paulo, Distrito Federal e em Goiás, onde dois óbitos foram confirmados.

A preocupação das autoridades de saúde agora é com relação às medidas preventivas para conter essa disseminação, que devem reforçar as ações para eliminar os focos do mosquito Aedes Aegypti em todos os estados.

Além da dengue, o mosquito também pode causar outras doenças através da picada, como Zika e chikungunya.

Essas doenças também tiveram alguns números revelados pelo MS. Nas regiões Norte e Sudeste os números de casos se dividiram em 410 e 119, respectivamente.

Neste período, a região norte também teve incidência de chikungunya, sendo o estado mais atingido. Foram registrados cerca de 2730 casos da doença nessa região, com ocorrência de 789 casos na região Centro-Oeste.

Regiões mais afetadas

Considerando a quantidade populacional, a região Sul foi a que teve um maior número de casos de dengue quando comparada com as outras regiões do país. O aumento passou de 258 em 2018 para 1.800 casos somente no início de 2019, o que leva a hipótese que o número pode aumentar ainda mais até o final do ano.

Além da região Sul, o Sudeste também teve números considerados de risco para os órgãos da saúde. Nesse mesmo período, ocorreu um salto de 5.732 para 32.821 casos de dengue.

O boletim informou os crescentes em quase todas as regiões, mas somente a Centro-Oeste teve redução em casos de dengue, passando de 11.450 para 10.827 casos,  o que representa uma redução de 5,4% nas ocorrências.


Essas doenças são motivo de preocupação para a população brasileira há algum tempo, mas, felizmente, existem métodos preventivos para reduzir os números de casos. Faça a sua parte e ajude evitar a proliferação do mosquito!

Fonte: Ministério da Saúde

Minuto Saudável: Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável.

Editor Médico

Dr. Paulo Caproni

CRM/PR 27.679

Graduado em Medicina pela PUCPR. Residência Médica em Medicina Preventiva e Social pela USP. MBA em Gestão Hospitalar e de Sistemas de Saúde pela FGV.

Farmacêutica Responsável

Dra. Francielle Mathias

CRF/PR 24612

Farmacêutica generalista, com Mestrado em Ciências Farmacêuticas, ambos pela Unicentro. Doutorado em Farmacologia pela UFPR.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *