Crianças e idosos são os mais afetados pela bronquite

0

É muito comum que em épocas específicas do ano as pessoas sofram com problemas de saúde. No inverno são recorrentes os caso de gripe, pneumonia, asma e inclusive bronquite. O tempo seco em conjunto com a poluição atmosférica pode ser a porta de entrada para essas doenças, mas tomando algumas precauções é possível evitar esse tipo de contaminação.

Conhecida como uma inflamação que atinge especificamente os brônquios do pulmão, a bronquite pode causar desconforto principalmente às pessoas de idade. Devido ao enfraquecimento do sistema imunológico elas se tornam mais suscetíveis a esses problemas.

PUBLICIDADE

O mesmo serve para indivíduos que já foram fumantes em algum período da vida. Além dos idosos, pessoas com algum problema ligado ao sistema cardiovascular ou respiratório, bebês e crianças também podem ser atingidos facilmente pela inflamação dos brônquios.

Tipos

Existem dois tipos de bronquite, a crônica e a aguda, sendo a única diferença entre elas o tempo de duração das crises. No caso da bronquite crônica o paciente deve apresentar os sintomas durante um período superior a 3 meses. Se não for tratada corretamente a bronquite crônica pode inclusive progredir para uma pneumonia.

Já a bronquite aguda acontece devido a contaminação por algum tipo de vírus. São extremamente comuns os pacientes que se queixam de crises ligadas ao contato direto com agentes externos como: poeira, ácaros, poluição, etc.

Diagnóstico

Radiografias e exames clínicos já costumam indicar alterações relacionadas à bronquite, mas é necessário realizar análises mais específicas para comprovar o diagnóstico. Entre as opções estão: prova de função pulmonar e espirometria.

Velhice

Pessoas de idade são mais propensas a sofrer com os casos de bronquite. De acordo com o Sistema de Indicadores de Saúde e Acompanhamento de Políticas do Idoso, os casos mais recorrentes são entre os idosos com idade entre 60 e 74 anos. Só no ano de 2011 foram mais de 13.907 casos de óbitos devido à inflamação dos brônquios ou outras doenças das vias aéreas.

Tabagismo

O cigarro é até hoje o principal causador dos problemas ligados às vias respiratórias. Utilizá-lo por tempo prolongado pode facilitar os casos de bronquite crônica, onde o indivíduo passa a sentir sofrer com dores e tosse. Além disso, o chiado no peito pode ser facilmente escutado pelo médico.

É comum que os sintomas se tornem presentes durante vários meses. Para quem sofre frequentemente com os casos de bronquite, a primeira iniciativa a ser tomada é largar o vício, somente dessa forma o pulmão poderá se reestabelecer aos poucos.

Evitando as crises

Aumentar a ingestão de líquidos (principalmente de água), evitar locais com excesso de poluentes no ar, e utilizar umidificadores em casa são técnicas eficientes para fugir das crises brônquicas.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe o seu comentário, nos preocupamos com sua opinião:

Por gentileza, escreva seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui

Lamentamos a não possibilidade de dar-lhe conselho médico ou responder a questões médicas e farmacêuticas individuais através de e-mail, pois apenas um médico pode prestar tal atendimento. Embora tentemos responder a todos os comentários, opiniões e e-mails que recebemos em até dois dias úteis, nem sempre é possível devido ao grande volume que recebemos. Por favor, tenha em mente que qualquer solicitação ao Minuto Saudável está sujeita aos nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, ao enviar, você indica sua aceitação.