Eduardo (Minuto Saudável)
25/03/2019 17:13

Comer antes de dormir pode estar ligado à obesidade, diz estudo

Muitas pessoas ainda têm dúvida se é permitido comer antes de dormir e há quem diga que se alimentar antes de ir para a cama pode engordar.

Bom, não podemos negar que durante à noite, mesmo que nosso corpo continue consumindo energia, a quantidade gasta é muito menor quando comparamos com o dia.

Então, é provável que se comemos à noite, há mais tendência a engordar. Mas será que tudo isso é verdade mesmo?

Segundo um novo estudo, apresentado na reunião anual da Sociedade de Endocrinologia em Nova Orleans, a resposta é sim, comer antes de dormir pode contribuir para o aumento de peso.

Sono, atividade física e alimentação

Foram estes 3 hábitos que os cientistas monitoraram em cada um dos 31 adultos com sobrepeso e obesidade, participantes do estudo, levando em consideração a quantidade de tempo que dormiam, a prática de exercícios físicos e o horário da alimentação.

O comportamento alimentar dos participantes foi, em média, bastante semelhante, sendo que eles comiam ao longo de 11 horas durante o dia e dormiam por 7.

A diferença foi que aqueles que costumavam comer mais tarde também iam dormir mais tarde, ainda que a quantidade de horas de descanso fosse a mesma: 7 horas.

Com base nesses resultados, os pesquisadores perceberam que os participantes que se alimentavam mais tarde apresentavam maior índice de gordura corporal.

Leia mais: O que dificulta o emagrecimento? 7 dicas para emagrecer com saúde

Aumento de peso e obesidade

Até o ano de 2025, estima-se que cerca de 2,3 bilhões de pessoas estejam com excesso de peso, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Esses números podem estar ligados diretamente a casos de obesidade, tendo em vista que nem todas as pessoas levam uma rotina que tenha atividades físicas.

Diversos fatores estão associados, mas são os hábitos alimentares e o sedentarismo os mais associados ao excesso de peso.


A alimentação tem um forte papel na balança. Por isso, a atenção aos nutrientes e às escolhas do prato são fundamentais.

Fonte: Science Daily

25/03/2019 17:55

Eduardo (Minuto Saudável)

Somos um time de especialistas em conteúdo para marketing digital, dispostos a falar sobre saúde, beleza e bem-estar de maneira clara e responsável. Confira mais na nossa página de quem somos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado Campos obrigatórios estão marcados*